19/04/2022

No próximo sábado, dia 23 de abril, a Igreja Católica faz memória de São Jorge. Ele é considerado padroeiro dos cavaleiros, soldados, escoteiros, esgrimistas e arqueiros. É invocado ainda contra a peste, a lepra e as serpentes venenosas. Na falta de notícias sobre a sua vida, em 1969, a Igreja mudou a sua celebração: de festa litúrgica passou a ser memória facultativa, sem, porém, alterar seu culto.
A Comissão Episcopal Pastoral Especial para o Enfrentamento ao Tráfico Humano (CEPEETH) da CNBB divulgou uma “Nota de repúdio à violência contra o povo Yanomami”. No documento, a Comissão demonstra sua indignação e repúdio diante da violência sofrida pelo povo Yanomami, especialmente a invasão do garimpo ao seu território, a violência sexual contra mulheres e crianças e o completo descaso dos governos.