Semana Santa

Na manhã do último domingo, 17 de abril, o Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, celebrou a Missa de Páscoa, às 10h, na Catedral Metropolitana. O momento foi concelebrado pelo Vigário Geral da Arquidiocese, Monsenhor Luiz Carlos de Paula, e pelo Administrador Paroquial, Padre José de Anchieta Moura Lima, e contou com a participação do Diácono Permanente Antonio Valentino e do Coral Benedictus.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Lembrado no dia 16 de abril, o Sábado Santo tem como principal celebração a Vigília Pascal. Com essa cerimônia, iniciada com a bênção do “Fogo Novo” e o acendimento do Círio Pascal, a Igreja mantém-se em vigília à espera da Ressurreição de Cristo, esperada para o domingo. Durante a celebração, há ainda a Proclamação da Páscoa, quando se volta a cantar o “Glória”, além da Liturgia da Palavra – que propõe nove leituras -, a Renovação das Promessas Batismais e, por fim, a Eucaristia.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Na Quarta-feira Santa, 13 de abril, a Catequese da Catedral realizou uma Via-Sacra encenada logo após a missa das 19h. Centenas de fiéis puderam refletir as estações da Via-Crucis e reviver o momento da Paixão de Cristo. O Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, participou deste momento emocionante que marcou a Semana Santa na Catedral de Juiz de Fora.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
A Sexta-Feira Santa, celebrada em 15 de abril, recorda a Paixão e Morte de Cristo. Para os católicos, a data é marcada pelo silêncio, pelo jejum e pela oração. Neste dia não há missas. O seu ponto alto é a celebração das 15h, horário em que Jesus foi morto. Confira a programação das celebrações desta sexta-feira nas paróquias da Arquidiocese de Juiz de Fora:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Os primeiros dias da Semana Santa recordam os momentos vividos por Jesus às vésperas de sua morte, como a entrada triunfal em Jerusalém, no Domingo de Ramos, e a traição de Judas. O auge da Semana Maior, contudo, se dá no Tríduo Pascal, iniciado na noite da quinta-feira, com a Missa da Ceia do Senhor e o Lava-Pés, passando pela Sexta-feira da Paixão, o Sábado de Aleluia e culminando no Domingo da Ressurreição. Esses episódios bíblicos são relembrados nas celebrações diárias, mas também através de encenações promovidas por paróquias e grupos.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
A Procissão do Encontro é, sem dúvidas, uma das celebrações mais emocionantes da Semana Santa. Ano após ano, os fiéis têm a oportunidade de presenciar, neste dia, o encontro doloroso entre Maria e seu Filho, Jesus, no caminho do Calvário. Em 2022, a cerimônia foi ainda mais especial, pois os fiéis conseguiram participar presencialmente deste momento que não acontecia há dois anos.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
A Quarta-feira Santa, lembrada em 13 de abril, será marcada por diversas atividades nas paróquias de Juiz de Fora e do interior. Serão realizadas missas, vias-sacras, Procissões do Encontro, celebrações com unção dos enfermos e atendimento de confissões. Neste dia também acontece, na Igreja São Mateus, em Juiz de Fora, o tradicional Ofício das Trevas.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email