Eslováquia

O Papa Francisco já havia aceitado o convite de visitar a Eslováquia feito pela presidente do país, Zuzana Čaputová, no início de dezembro de 2020 quando esteve em audiência oficial no Vaticano. Um deslocamento internacional que, porém, dependia do progresso da pandemia e também da sua saúde. A confirmação da viagem veio neste domingo (4), pelo próprio Pontífice, ao final da oração do Angelus.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email