Paróquia de Juiz de Fora celebra Beata Nhá Chica

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A Igreja celebra, no dia 14 de junho, a Beata Nhá Chica, elevada à honra dos altares pela Santa Igreja no dia 4 de maio de 2013. Na Arquidiocese de Juiz de Fora, o Padre Cássio Barbosa de Castro é um grande incentivador da devoção à mineira, que nasceu em Santo Antônio do Rio das Mortes, distrito de São João del-Rei (MG), mas ainda criança foi morar em Baependi (MG).

Na Paróquia Cristo Rei, onde Padre Cássio é o pároco, uma novena em honra à Bem-Aventurada Francisca de Paula de Jesus começou em 5 de junho e irá até o próximo dia 13. Todos os dias, às 9h, são disponibilizados, no YouTube e no Facebook da paróquia, vídeos com as orações, alguns gravados na cidade onde a beata viveu. O tema dos encontros novenários é “Nos caminhos de Nhá Chica”.

Na segunda-feira, dia 14, às 8h, a Matriz Cristo Rei sedia a Missa festiva, na qual serão distribuídas as famosas pílulas de “Nhá Chica”. A participação presencial será por ordem de chegada.

Pílulas de Nhá Chica

As famosas pílulas de Nhá Chica começaram a ser distribuídas há cerca de dez anos, após a farmacêutica Maria Arabela Dias de Castro Galil Silva, de São João Nepomuceno (MG), criar a fórmula a partir de um chá cujos ingredientes foram mostrados pela beata mineira, em sonho, a uma devota. De lá para cá, segundo Padre Cássio, cerca de 68 mil pílulas já foram ofertadas aos fiéis.

Os milagres recebidos pela ingestão do comprimido estarão em um livro, a ser lançado em 2022, pelo sacerdote da Arquidiocese de Juiz de Fora.

Veja Também