Colégio dos Jesuítas inaugura “Espaço Imaculada”

*A cerimônia de inauguração foi realizada no terraço, onde funcionará o parquinho
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Na manhã do último sábado, 20 de novembro, foi inaugurado, no Colégio dos Jesuítas, o Espaço Nossa Senhora Imaculada, edifício que será o ambiente de aprendizado dos estudantes do Maternal III ao 2º ano do Ensino Fundamental. A cerimônia contou com a presença de várias autoridades eclesiásticas, civis e militares, além de colaboradores da instituição de ensino e representantes dos alunos.

*Mesa de honra

O Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, foi o responsável pela bênção do prédio, sendo acompanhado pelo Provincial dos Jesuítas no Brasil, Padre Mieczyslaw Smyda, SJ. O Secretário para Educação da Província do Brasil e futuro reitor da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), Padre Sérgio Eduardo Mariucci, SJ, também marcou presença. Ainda participaram da cerimônia a Prefeita Margarida Salomão, a Secretária Municipal de Educação, Nádia de Oliveira Ribas, e o Presidente da Câmara Municipal, Juraci Scheffer.

Quando tomou a palavra, Dom Gil Antônio Moreira recordou o papel da Companhia de Jesus na história da educação brasileira e a importância da criação de um espaço dedicado às crianças. “A escola é muito importante, porque ensina as crianças, os adolescentes e os jovens; portanto, ela forma o coração das pessoas, forma a mente, a pessoa como um todo. Esse espaço, dedicado exclusivamente para a infância, mostra o valor que os jesuítas e a Igreja dão à criança. Se errarmos na educação infantil, nós estaremos comprometendo o futuro do país e da humanidade. Criança é uma preciosidade, e ela deve estar em boas mãos, que ensinem as verdades, que as defendam de ideologias que possam perturbar a pessoa humana”, pontuou.

O Diretor-Acadêmico do Colégio dos Jesuítas, Padre José Robson Silva Sousa, SJ, contou como o projeto foi concebido. “O nosso espaço começa em 2016, quando nós, num planejamento estratégico, percebemos a necessidade de ir além daquilo que já possuíamos de espaço de missão educacional.” O sacerdote também lembrou que “Imaculada” é o nome do colégio na sua origem. “É um resgate e é uma obra oferecida para a comunidade juiz-forana; é uma obra educacional e de missão, e como obra de missão também é obra de evangelização. Ele tem como principal fundamento a formação dos nossos estudantes para a evangelização na alteridade, com o cuidar do outro. Então, é um espaço de encontro: encontro consigo, com os irmãos e também com Deus.”

*Representação da sala de aula. Imagem enviada pelo Colégio dos Jesuítas

O Diretor-Geral, Professor Edelves Rosa Luna, reforça que o Espaço Imaculada é uma importante obra da Companhia de Jesus para a cidade de Juiz de Fora. “Ela representa, antes de mais nada, inovação. Não só no prédio, mas uma inovação pedagógica, com muitas possibilidades novas na lógica da pedagogia inaciana e principalmente, eu diria, numa lógica de acolhida das crianças que aqui conosco estarão, num cuidado e num zelo da formação desses cidadãos para a cidadania global e, claro, sempre com um olhar cristão e formativo na perspectiva dos valores que para nós, cristãos católicos, são importantes.”

O Secretário para Educação da Província dos Jesuítas do Brasil, Padre Sérgio Eduardo Mariucci, SJ, parabenizou a comunidade local dos jesuítas, da qual já fez parte, pela conquista e apontou a integração da natureza com o projeto pedagógico. “Este prédio dialoga com o magistério do Papa Francisco, que no Pacto Educativo pede a todo o povo de Deus, sobretudo aos que se dedicam à educação, a desenvolverem essa sensibilidade, este compromisso com a sustentabilidade e com a natureza. É um espaço dialógico, em que todo o ecossistema ecológico se integra como um componente curricular importante na formação do aluno.”

*Rito de bênção do prédio foi conduzido por Dom Gil e Padre Smyda, SJ

O Provincial dos Jesuítas no país, Pe. Mieczyslaw Smyda, SJ, ressaltou que a presença da congregação tem o intuito de colaborar com a evangelização através de outras formas de ação, entre elas, a educação. “Para a Companhia de Jesus, esta é a forma mais eficaz para podermos transformar a sociedade e formar pessoas com valores verdadeiramente cristãos e humanos. É muito importante dar espaços novos e apropriados para as crianças pequenas, porque quando elas se formam num ambiente mais moderno, mais amplo que suas próprias casas, elas têm uma visão aberta para a sociedade.” O Provincial ainda comentou a referência ao antigo nome do colégio. “Este espaço vai carregar este nome para demonstrar que nossa formação e educação estão voltadas, como Maria, a formar pessoas, acolhendo-as como dom de Deus e, ao mesmo tempo, possibilitar a qualificação cognitiva, afetiva e psicológica.”

Alguns ajustes ainda serão feitos no Espaço antes da acolhida dos estudantes. A expectativa é de ela aconteça até o dia 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição. Clique aqui e saiba mais sobre o prédio.

Veja Também