Celebração Eucarística marca encerramento de retiro do clero

0

Terminou na manhã desta sexta-feira (27), com Santa Missa, o retiro espiritual para a segunda turma de padres do clero da Arquidiocese de Juiz de Fora. O encontro, iniciado na última segunda-feira (23), foi realizado no Ceflã e contou com a participação de 45 sacerdotes.

O arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, esteve presente nos dias de retiro e presidiu a celebração de encerramento. “Após cinco dias de recolhimento diante de Deus, os padres recobram a alegria de viver, a alegria de serem sacerdotes, de ter a missão de pastores, a alegria de terem sido escolhidos por Deus e enviados por Cristo para a sua missão”, ressaltou.

O pregador do retiro foi o arcebispo emérito da Arquidiocese de Sorocaba, Dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues. “Dom Eduardo é pessoa muito querida do nosso clero, do qual é oriundo. Foi daqui que ele foi chamado para ser bispo, agora retorna como emérito e nos dá a grande alegria de residir conosco no Lar Sacerdotal”, afirmou Dom Gil.

O arcebispo ainda fez um pedido aos fiéis católicos da Arquidiocese de Juiz de Fora. “Gostaria de pedir a todos que continuem rezando pelo nosso clero, que é muito bom, muito dedicado, desprendido, totalmente dedicado às coisas de Deus e da Igreja. Rezemos pela perseverança e alegria do nosso clero e, também, pelas vocações sacerdotais, para que Nosso Senhor nos envie sempre novos sacerdotes animados, sábios e santos”, finalizou.

O retiro anual do clero é dividido em duas turmas, por conta da grande quantidade de padres. Enquanto metade dos sacerdotes participam do encontro em fevereiro, os demais o fazem no mês de julho.

Conteúdo Relacionado
X