Vice-coordenador da Pastoral do Menor da Arquidiocese participa de reunião na sede do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (CONIC)

Pamen Encontro de Brasília com Conic2
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

*Colaboração: Alessandra Cristina de Castro
Coordenadora Arquidiocesana da Pastoral do Menor

No último dia 13 de abril, o vice-coordenador da Pastoral do Menor da Arquidiocese de Juiz de Fora, Claudinei dos Santos Lima, participou de uma reunião na sede do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (CONIC), em Brasília. O evento contou com a presença da secretária-geral do CONIC, Pastora Romi Bencke, e dos representantes da coordenação do Regional Leste 2 (Minas Gerais e Espírito Santo) da Pastoral do Menor.

A reunião teve o objetivo de tratar da articulação entre a Pastoral do Menor e o CONIC, para padronizar a assistência religiosa realizada nos Centros Socioeducativos de Internação de Adolescentes. As cidades mineiras do Regional Leste 2 que realizam as visitas são Juiz de Fora, Belo Horizonte e Divinópolis. No Espírito Santo, o trabalho é realizado nos municípios de Serra e Vitória.

Um dos frutos da articulação promovida no dia 13 será a realização de um seminário, que acontecerá nos dias 2 e 3 de outubro, em Vitória, no Espírito Santo. O evento terá o objetivo de aperfeiçoar a prática da assistência religiosa, a fim de que seja gerado um protocolo a ser encaminhado à Secretaria de Direitos Humanos do Governo Federal, solicitando sua incorporação ao SINASE – Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo. Desta forma, todo o Brasil poderá adotar os parâmetros que visam contribuir para a finalidade da medida, que é a correta responsabilização e ressocialização dos adolescentes e jovens que se encontram cumprindo medida nas unidades de atendimento socioeducativo do país.

Visando questionar o atual cenário do país envolvendo a discussão em torno da Redução da Maioridade Penal, foram deliberadas a criação da “Frente Nacional Ecumênica e Inter Religiosa pelos Direitos da Criança e do Adolescente” e da Campanha contra a Redução da Maioridade Penal, com o uso do argumento religioso “Não em meu nome!”.

As reuniões do grupo estão sendo realizadas mensalmente, em Brasília, e a próxima está agendada para o dia 11 de maio. Na ocasião, será oficialmente criada a “Frente Ecumênica e Inter Religiosa”.

Outras Informações:
Assessoria de Comunicação Arquidiocese Juiz de Fora – (32) 3229-5450

Veja Também