“Vai, e faze tu o mesmo” (Lc 10,37): lema bíblico inspira Campanha do Dízimo 2022

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A Arquidiocese de Juiz de Fora iniciou, no dia 1º de novembro, a Campanha do Dízimo 2022. Desde 2011, por meio de proposta do I Sínodo, o mês é dedicado a esse gesto de amor a Deus, à Igreja e ao próximo. Este ano, a iniciativa tem o tema “Dízimo: quem ama, partilha”, inspirada pelo lema bíblico da parábola do Bom Samaritano: “Vai, e faze tu o mesmo” (Lc 10,37).

“Diante da parábola que Jesus conta, daquele homem que passa e que ajuda aquele que mais precisa, Ele nos pede para fazermos a mesma coisa, termos o mesmo gesto de ajudar, nos colocar à disposição do outro”, explica o Assessor da Pastoral do Dízimo Arquidiocesana, Padre Miguel de Souza Lima Campos, sobre o lema escolhido.

A fim de divulgar a campanha em todas as paróquias, a pastoral organizou materiais digitais, para serem compartilhados nas redes sociais, e impressos, a serem distribuídos nas comunidades. Entre estes, está um folder com informações sobre os trabalhos sociais realizados pela Igreja Particular de Juiz de Fora. “Nós queremos destacar a dimensão social do dízimo este ano, a dimensão caritativa. Ali há alguns números e alguns trabalhos que nós fazemos para ajudar aquelas pessoas que mais precisam de bens materiais, mas também de bens espirituais”, apontou Padre Miguel.

O Assessor da Pastoral do ressaltou a importância de cada paróquia fazer a sua parte na divulgação da campanha. “Para que esse material possa chegar até o dizimista, para que ele possa celebrar o seu gesto que faz durante todo o ano, a sua contribuição, mas chegar também àquelas outras pessoas que ainda precisam dar este passo na sua fé, de partilhar a própria vida através do dízimo.”

Com o intuito de explicar a dinâmica das ações a serem realizadas neste ano, Padre Miguel protagonizou uma live sobre a campanha, na noite da terça-feira (1º). Clique aqui e assista na íntegra.

Faz parte da PAstoral do Dízimo? Acesse os materiais da campanha.

Veja Também