Sínodo Arquidiocesano é tema da Reunião do Conselho Arquidiocesano de Pastoral

0

No último sábado, no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio, aconteceu a reunião do Conselho Arquidiocesano de Pastoral (CAP), encontro destinado às coordenações de pastorais, movimentos, associações e serviços arquidiocesanos, bem como de vigários forâneos e episcopais.

O ponto central desta reunião foi diferente.  A comissão do II Sínodo Arquidiocesano de Juiz de Fora esteve presente para convidar e convocar as chamadas forças vivas da arquidiocese para colaborarem com o sínodo.

Segundo o secretário-executivo de pastoral, o objetivo da reunião é “nos encontrarmos com as pessoas que trabalham nos mais diversos setores da nossa Igreja, principalmente da cidade de Juiz de Fora, para passar a eles aquilo que a caminhada sinodal está preparando, que é verificar, conhecer, propor, até para que eles também vejam como é, o que está no caminho e façam suas proposições. ”

O encontro foi aberto pelo arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, e conduzido pelo secretário-executivo de Pastoral, Padre Everaldo José Sales Borges. Após café da manhã e oração inicial na capela do Seminário, os presentes encaminharam-se para o auditório, onde deram início aos trabalhos.

Dom Gil deu início com uma fala a respeito da importância do momento e uma breve explicação do convite a colaborar. “Nunca houve um CAP como esse”, disse ele, “vocês estão aqui para ajudar o bispo a discernir o que poderia ser melhor na igreja”, completou. Ademais, a palavra sínodo significa “caminhar juntos”, portanto é necessário que todos estejam em unidade.

Durante a reunião foi explicada a importância do sínodo, como lhes cabe ajudar, a forma como a comissão está atuando e como se dará o sínodo. Inclusive, a reunião foi utilizada para apresentar o novo lema bíblico do sínodo: “Proclamai o Evangelho pelas ruas e sobre os telhados” (Mt 10, 27) e anunciar que a inauguração litúrgica será em 27 de outubro.

Para aqueles representantes dessas diversas frentes da Igreja que ainda estiverem com dúvidas, basta entrar em contato com o Centro Arquidiocesano de Pastoral João Paulo II.

Mais informações:
Centro Pastoral – (32) 3229-5450

 

Conteúdo Relacionado
X