Seminaristas Rafael e Robert são instituídos acólitos e leitores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Na manhã dessa quinta-feira, 26 de agosto, os seminaristas Rafael Coelho do Nascimento e Robert César Teixeira foram instituídos nos ministérios de Leitor e Acólito durante Santa Missa na Capela do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. Este é o primeiro passo que os jovens dão rumo à consagração definitiva. A próxima etapa é a Ordenação Diaconal, com data ainda a ser definida.

A Eucaristia foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada pelo Reitor do Seminário, Monsenhor Luiz Carlos de Paula, pelo Vice-Reitor, Padre Antônio Camilo de Paiva, e por outros padres formadores. A celebração foi transmitida ao vivo pelo Facebook do Seminário, tendo sido acompanhada presencialmente somente por seminaristas e familiares de Rafael e Robert.

“Para o seminarista é um momento de grande alegria, porque ele recebe da Igreja a confiança de chamá-lo para os ministérios consagrados. Aos dois leitores e acólitos, eu desejo que progridam não só no conhecimento – eles já tiveram oportunidade de estudar profundamente a fé -, mas que aprofundem a sua vocação à santidade: lendo a Palavra, vivam-na intensamente; servindo ao Altar, prepararem-se para entregar totalmente ao serviço de Deus”, ressaltou Dom Gil.

Segundo Monsenhor Luiz Carlos, os jovens caminharam para esse momento com muita dedicação e amor, sentimentos que não se esvaziaram com o distanciamento provocado pela pandemia. “A formação teve que passar por modificações, e graças a Deus eles corresponderam, como os outros, de forma muito bonita, no empenho à distância, nas paróquias ou no Seminário. A formação não é só intelectual, mas também espiritual, humano-afetiva e pastoral. Dentro da limitação que a pandemia nos colocou nós procuramos sempre acompanhá-los e eles sempre corresponderam àquilo que era pedido.”

Emocionado com o primeiro passo dado na caminhada rumo ao sacerdócio, Rafael afirmou que ele também representa a confirmação do chamado de Deus. O seminarista ainda sublinhou a missão de cada um dos ministérios conferidos, a começar pelo Leitorato. “Este serviço que é de proclamar a Palavra de Deus, muito mais do que na liturgia, mas anunciar com a vida, fazer com que nossos irmãos e irmãs sejam amantes da Palavra. Assim também o serviço do altar, no Acolitato. Com alegria nós nos aproximamos ainda mais do altar de Nosso Senhor, com muito amor à Sagrada Eucaristia, essa oferta de amor de Deus, que vem ao nosso encontro.”

Para Robert, o sentimento que vem à tona é o de gratidão. “Passa um filme na cabeça. Nós lembramos das pessoas que nos ajudaram, a começar pela nossa família, das pessoas que torcem pela gente. Então é um sentimento profundo de gratidão e, ao mesmo tempo de responsabilidade: essa missão de servir cada vez mais, e com alegria, anunciando e testemunhando a Palavra de Deus e também levando aos outros Jesus Eucarístico.”

Até a Ordenação Diaconal, os seminaristas concluirão os estudos, com a apresentação das monografias, e darão continuidade à experiência pastoral nas paróquias a eles designadas: enquanto Rafael serve à Paróquia São Miguel e Almas, de Santos Dumont (MG), Robert desempenha seu trabalho na Paróquia Nossa Senhora de Fátima do Bairro Santa Cruz, em Juiz de Fora.

Clique aqui e confira mais fotos da celebração.

Veja Também