Padre Leonardo Pinheiro é reeleito assessor da Comissão para a Liturgia da CNBB

0

Nos dias 25 e 27 de julho aconteceu a reunião do Conselho Permanente na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília (DF). Foram debatidos alguns novos nomes para assessorar as Comissões Episcopais Pastorais da entidade. O presidente, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, nomeou os responsáveis pelas 12 comissões.

A lista dos nomeados foi divulgada ontem (3), dentre os nomes: o Padre Leonardo José de Souza Pinheiro, filho do clero juiz-forano. O sacerdote foi reeleito assessor nacional da Comissão para a Liturgia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Ele está no cargo desde 2018.

Formado em Liturgia pela Faculdade Santa Giustina de Pádua, na Itália, antes de eleito, lecionou a disciplina no Instituto Teológico Arquidiocesano Santo Antônio e no Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (CES/JF) e também prestou serviços à comissão do Regional Leste 2 da CNBB.

Presidente da CNBB nomeia novos assessores para as Comissões Episcopais Pastorais

A CNBB – para melhor cumprir a sua missão – conta com a colaboração de assessores, com indicação, determinação de funções e tempo de contrato aprovado pela presidência da entidade. Em razão de preparação específica e tendo levadas em conta a sua experiência pastoral e a integridade de vida, eles são chamados a cooperar nos diversos órgãos e setores da CNBB, sempre relacionados diretamente ao presidente de determinada Comissão Episcopal.

Segundo o padre Marcus Barbosa, secretário adjunto de pastoral e também assessor da Comissão para o Ecumenismo da CNBB, são os assessores chamados a exercer o acompanhamento e os desdobramentos pastorais de suas respectivas Comissões. “O que nos motiva são as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil. Esse é o nosso plano comum! Assim, a partir das Diretrizes, cada assessor, bem unido ao bispo referencial de sua Comissão, vai dando sua contribuição específica, aprofundando e enriquecendo a missão evangelizadora da nossa Igreja aqui no Brasil”, disse.

Saiba quem são os assessores e suas respectivas comissões:

Ministérios Ordenados e Vida Consagrada

Padre Juarez Albino Destro – Rogacionista, Brasília-DF
Padre João Cândido da Silva Neto – São João da Boa Vista-SP

Laicato

Professor Laudelino Augusto dos Santos Azevedo – Itajubá-MG
Celso Carias – CEB’s – Duque de Caxias-RJ
Padre Paulo Adolfo Simões – CEFEP – Pouso Alegre-MG

Ação Missionária e Cooperação Intereclesial

Irmã Sandra Regina Amado – Comboniana
Padre Daniel Luz Rochetti – RJ

Animação Bíblico-Catequética

Padre Jânison de Sá Santos – Propriá-SE

Doutrina da Fé

Padre João Paulo de Mendonça Dantas – Belém-PA

Liturgia

Assessor do Setor Música Litúrgica
Irmão Fernando Benedito Vieira, SJ – Brasília-DF

Assessor do Setor Espaço Litúrgico
Padre Thiago Aparecido Faccini Paro – São Paulo-SP

Assessor para a Liturgia
Padre Leonardo José de Souza Pinheiro – Juiz de Fora-MG

Ecumenismo e Diálogo Inter-Religioso

Padre Marcus Barbosa Guimarães – Nova Iguaçu-RJ

Ação Sócio-Transformadora

Frei Olavio Dotto, OFM – Brasília-DF

Cultura e Educação

Assessor para Cultura
Padre Luciano da Silva Roberto – Mariana-MG

Assessor para Educação
Padre Júlio César Evangelista Resende, OSC – Campo Belo-MG

Assessor para Universidades e Bens Culturais
Padre Danilo Pinto dos Santos – Salvador-BA

Assessor para Ensino Religioso
Padre Eduardo Rocha – Tubarão-SC

Vida e Família

Padre Crispim Guimarães dos Santos – Dourados- MS

Juventude

Padre Antônio Ramos de Prado, SDB – Externo
Assessor interno – A definir

Comunicação

Padre Tiago José Sibula da Silva – Santo André-SP
Professora Manuela de Oliveira Castro – Brasília-DF

Fonte: Site da CNBB

Conteúdo Relacionado
X