Missionária da Comunidade Shalom é consagrada de forma definitiva na Capela Santa Maria Eufrásia

A noite da última terça-feira (12) foi especial para a Comunidade Shalom de Juiz de Fora. Em celebração na Capela Santa Maria Eufrásia, a missionária Adriane Souza Silva realizou suas promessas definitivas no carisma, ou seja, ela foi consagrada como membro definitivo da comunidade de vida.

Nascida em São Luis, no Maranhão, a jovem percebeu o chamado de Deus para sua vida mais de nove anos atrás.  Ela foi atraída pela comunidade, viveu o tempo de postulantado, de experiência, de formação como discípula da comunidade e, nos últimos cinco anos, renovou a suas promessas de consagração através da Shalom, em Eucaristia presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira.

“Como Dom Gil, na homilia, falou brilhantemente bem, pois a vida missionária inicia dessa forma, sentindo essa atração a esse chamado a Deus, que Nosso Senhor, de forma muito generosa, fez a minha vida nove anos atrás. Muito feliz, nesse dia, faço diante da comunidade minhas promessas definitivas, dizendo a Deus, a comunidade e a Igreja que quero viver desta forma nesse chamado de oração, vida fraterna e evangelização para sempre”, explicou Adriane.

A Igreja do Brasil vive o terceiro Ano Vocacional, instituído pela CNBB, um tempo em que cada entrega é ainda mais valorizada. “O ano vocacional quer despertar no coração de todos a vivência da vocação, sobretudo, despertar, nos jovens, a beleza da entrega de sua vida a favor do reino de Cristo. Receber uma vocação dessas no ano vocacional, significa que estamos enriquecendo a Igreja e agradecendo Nosso Senhor as sementes que ele lança no coração das pessoas”, afirmou o Pastor Arquidiocesano.

Em entrevista, ele ainda falou sobre o significado do passo final dado pela missionária. “A consagração definitiva de uma pessoa é a garantia de que essa pessoa fez um caminho de amadurecimento na fé e é capaz de doar toda sua vida, seu tempo somente para Cristo. A gente fica alegre de ver jovens tão dispostos e tão dedicados”.

No próximo dia 29 completam cinco anos que a comunidade se instalou em Juiz de Fora. Atualmente a Missão de Juiz de Fora possui 18 membros e 12 vocacionados. Eles atuam com foco na juventude. “Também fico alegre de ver que a comunidade tem crescido em número e qualidade em nossa Arquidiocese. Shalom significa paz, portanto são jovens que semeiam a paz em nosso meio”, comentou Dom Gil.

Confira algumas imagens da Missa das promessas definitivas.

Veja Também