Interação e partilha marcam a inauguração da Escola Nacional de Comunicação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Com sentimentos de emoção e alegria, foi inaugurada na manhã do último sábado (12), a Escola Nacional de Comunicação da Pascom Brasil e o seu primeiro curso, Fundamentos da Pastoral da Comunicação. Para este momento, estudantes e convidados compartilharam o ambiente em uma sala virtual e a transmissão simultânea da aula aconteceu pelo canal do YouTube.

Conduzida pelo coordenador-geral da Pascom Brasil, Marcus Tullius, a sessão de inauguração contou com a participação do bispo auxiliar de Belo Horizonte e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB, Dom Joaquim Mol. Ele é também o reitor da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), que oferece a estrutura para a realização do curso. Para Dom Mol, a escola deverá promover abundantemente a formação na área de comunicação e também o diálogo com outras áreas, como a teologia. Para ele, a formação oferecida está baseada em cinco pontos, elencados a seguir:

  1. Preencher espaçosque, se não forem preenchidos, se tornam um abismo dentro de nós;
  2. Diminuir dependências, garantindo autonomia e habilitação para interagir uns com os outros;
  3. Libertar de ideias pré-concebidas, que, às vezes, nos fazem escravos de nós mesmos. Formação que não liberta precisa ser questionada;
  4. Capacitar para atuação no campo da Pastoral da Comunicação. A capacitação deverá se guiar em dois pilares: a inteligência e a sensibilidade;
  5. Conduzir para uma espiritualidade mais profunda, de intimidade com o Senhor. Trata-se não só de uma preparação técnica, mas preparar boas pessoas para a atuação pastoral.

Para o coordenador do Anima PUC Minas, Padre Áureo Nogueira, a realização da aula inaugural é um dia que marca de modo muito significativo a história da comunicação em nossas comunidades.

“Eu vejo com muita esperança e alegria esta escola, com uma resposta aos anseios do tempo presente, em sintonia com o Papa Francisco, qualificando os nossos leigos e leigas para o exercício do sacerdócio batismal”, afirmou.

O assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação e professora da Escola, Padre Tiago Sibula, ressaltou que este é um novo tempo na Pascom e que o objetivo da formação é evangelizar de forma renovada, atraente, lúcida e com os pés no chão.

O assessor eclesiástico da Pascom no Regional Sul 1 e coordenador do GT Formação da Pascom Brasil, Padre Tiago Barbosa, expressou a alegria pelo momento. Neste curso está o coração de toda a Pascom que buscou e se organizou para viver este novo tempo.

“Gratidão a Deus que nos reuniu no amor de Cristo e que nos deu o dom da comunicação. O fruto do nosso trabalho é a evangelização numa Igreja que seja verdadeiramente sinodal!”

Confira a aula inaugural:

Fonte: Site da Pascom Brasil

Veja Também