Festa do Santíssimo Redentor é recordada neste domingo (17)

*Foto: Site da Ordem das Mercês
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

As comunidades administradas pela Congregação Redentorista celebram, no Terceiro Domingo do mês de julho, mês dedicado ao Preciosíssimo Sangue de Cristo, a festa de seu Titular, o Santíssimo Redentor.

Na Paróquia Nossa Senhora da Glória, do Morro da Glória, em Juiz de Fora, titular da congregação será recordado todas as missas do final de semana. No sábado (16), haverá celebrações às 16h, na Capela São Roque, e às 18h30, na Igreja da Glória. No domingo (17), na Matriz acontecem quatro missas – às 7h, 10h, 17h e 19h30 -, enquanto na Capela São Roque a Eucaristia será às 9h e no Ambulatório da Glória, às 18h.

A devoção

Partindo do fato de que Jesus é o Redentor do gênero humano, Santo Afonso deixa como herança a espiritualidade da congregação, fundamentada e contemplada em Cristo nos mistérios da Encarnação (Presépio), Calvário (Cruz) e Eucaristia (Ressurreição), tendo Maria, a Mãe do Redentor, como aquela que serviu e continua servindo ao mistério da Redenção (Const. 32).

Celebrar a Solenidade do Santíssimo Redentor não é recordar fatos históricos, mas renovar, expressar a fé, agradecer e principalmente imitar Aquele que se auto revelou como “Pão da Vida, Luz do Mundo, Porta das Ovelhas, Bom Pastor, Ressurreição e Vida, Caminho, Verdade e Vida e a Videira Verdadeira!” Atentamos para o fato de que Jesus Cristo se revela como ‘Vida’ duas vezes, no Evangelho de João. É um convite a sermos continuidade do Redentor como aquele cristão ou cristã que, assumindo o sacramento de seu Batismo, promove a vida em um mundo ferido que precisa de sabor e luz: “Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância!” (Jo 10, 10).

*Com informações da Paróquia Nossa Senhora da Glória

Veja Também