Evento reúne membros do CAP no Seminário Santo Antônio

0

Na manhã desse sábado (7), o Seminário Arquidiocesano Santo Antônio sediou a primeira reunião de 2015 do Conselho Arquidiocesano de Pastoral (CAP). O evento, que reuniu pela segunda vez os membros do grupo após a reestruturação indicada pelo I Sínodo Arquidiocesano (2009-2011), contou com a participação do arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira.

A programação do dia começou com oração inicial, na Capela do Seminário, que foi seguida por um café da manhã. Logo após, os presentes se reuniram no auditório da instituição, onde o notário do Tribunal Eclesiástico Interdiocesano, Robson Ribeiro de Oliveira Castro, ministrou duas palestras: a primeira refletiu sobre a Campanha da Fraternidade 2015 e, a segunda, sobre as conclusões da 3ª Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos sobre a Família, realizada em outubro de 2014, no Vaticano.

Após o momento formativo, os membros do CAP se dividiram em grupos para analisarem o que já existe de experiência dentro das três linhas pastorais escolhidas pelo CAP em novembro de 2014 para serem aprofundadas e melhor organizadas na Arquidiocese de Juiz de Fora – iniciação cristã, liturgia e missionariedade.

Segundo o secretário executivo de Pastoral, Pe. Everaldo José Sales Borges, a presença de representantes de grupos, comunidades e paróquias da Arquidiocese na reunião é importante porque eles ajudam a refletir o melhor para a Igreja de Juiz de Fora e a colocar em prática, posteriormente. “Essas pessoas representam os mais diversos grupos, associações, comunidades de vida e os organismos da Igreja de Juiz de Fora. Na medida em que o caminho vai sendo escolhido, sendo melhor articulado, elas se tornam multiplicadoras e trabalhadoras para que a Pastoral aconteça na Arquidiocese, nos lugares onde elas estão”.

O arcebispo metropolitano, Dom Gil, destaca que os encontros do CAP são oportunidades para revisar o que foi feito, programar iniciativas e valorizar e incentivar experiências positivas. “O CAP reúne representantes de todas as regiões da Arquidiocese, padres e leigos. Ele é um órgão que faz com que a Pastoral, a vida da Igreja, se movimente durante todo o ano, e por isso ele é muito importante. Ele é responsável por movimentar as forças pastorais, forças vivas da Arquidiocese, para que tudo caminhe bem e progressivamente”.

Em 2015, estão programadas mais duas reuniões do Conselho Arquidiocesano de Pastoral – uma em 27 de junho e a outra, em 3 de outubro.

Clique aqui e confira as fotos do evento desse sábado (7).

Outras informações:
Centro Arquidiocesano de Pastoral João Paulo II: (32) 3229-5485
Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora: (32) 3229-5450

Conteúdo Relacionado
X