Especial 90 anos da Diocese de Juiz de Fora: Ordenações sacerdotais e diaconais marcarão missa comemorativa dos 90 anos de criação da Diocese de Juiz de Fora

0

No dia 1º de fevereiro (sábado), data da grande festa dos 90 anos de criação da Diocese de Juiz de Fora, uma grande celebração em ação de graças será realizada na Catedral Metropolitana, às 9h. Na ocasião, o arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, anunciará a criação de quatro novas paróquias na Arquidiocese e nomeará a Comissão Arquidiocesana para o processo de Beatificação e Canonização de Monsenhor Marciano Bernardes da Fonseca.

Além disso, a missa marcará a ordenação de dois novos padres – diáconos transitórios Gleydson Pimenta de Faria e Wesley Carvalho Neses – e quatro diáconos – seminaristas Fransérgio Garcia da Silva, José Maria Vieira Novaes, Leonardo Loures Valle e Welington Nascimento de Souza. Para se preparar para esse especial momento os jovens participaram, na última semana, de um retiro espiritual no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. No encontro, eles tiveram momentos de reflexão, oração e meditação orientados pelo bispo de São João del-Rei, Dom Célio de Oliveira Goulart.

Para o diácono Gleydson Pimenta de Faria, o retiro foi o ponto mais importante e definidor de uma preparação que começou quando ele ingressou no Seminário, já tendo clara sua vocação sacerdotal. “O retiro é caracterizado por uma preparação mais forte, em que intensificamos nossas orações e acalmamos nosso coração, que já está ansioso”.

Leonardo Loures, que será ordenado diácono transitório, afirma que os dias que antecedem a grande data são fortes.  Segundo ele, são muitas as recordações de seu caminho vocacional, desde sua paróquia de origem, Nossa Senhora de Lourdes, no bairro Francisco Bernardino. “Tenho consciência que aquele não será apenas o dia de uma missa de ordenação, mas o coroamento de sucessivas escolhas. Também sei que não será o ponto de chegada, e sim o ponto de partida, o início de uma nova etapa, em que devo me colocar ainda mais a serviço dos outros e da Igreja”.

Leonardo, que faz parte da Comunidade Jovens Missionários Continentais, afirma que essa experiência o tem ajudado a reafirmar sua vocação. “O projeto vem me ajudando a perceber como a Igreja é rica em dons e como é grande o desafio da unidade na diversidade. Além disso, o contato com as pessoas me faz crescer cada dia mais, fica claro a importância de ir ao encontro delas, de se colocar a serviço”.

Sobre o dia da ordenação ser o mesmo da festa dos 90 anos de criação da Diocese, Gleydson afirma estar honrado. “Também me sinto muito feliz, porque o ministério que eu vou abraçar não é para mim. Ninguém é ordenado diácono ou padre para si mesmo. Somos ordenados para a Igreja e, no meu caso, servirei a Igreja particular na qual nasceu a minha vocação”, finaliza.

O arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, dá graças por poder celebrar dois momentos tão importantes em uma mesma data e destaca que o trabalho dos recém ordenados será importante, devido a criação de mais quatro paróquias na Arquidiocese. “São dois novos padres que a Igreja de Juiz de Fora ganha e mais quatro diáconos que, tudo correndo bem, serão também ordenados padres no correr deste ano. O ano de 2014 espera então seis novos presbíteros bem formados e espiritualmente bem preparados para a ação evangelizadora e santificadora das comunidades da Arquidiocese. Ganhando mais quatro paróquias, a Igreja local precisará de novos operários, e estas ordenações ajudarão muito no atendimento comunitário”, afirma.

Outras informações:

Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora: (32) 3229-5450

 

Conteúdo Relacionado
X