Edições CNBB e Comissão para a Doutrina da Fé lançam subsídio sobre fé cristã e aborto

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A Edições CNBB lançou o 13º volume da sua coleção de Subsídios Doutrinais “VIDA: DOM E COMPROMISSO II – Fé cristã e aborto”. Elaborado pela Comissão Episcopal Pastoral para a Doutrina da Fé da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o material é oferecido no contexto da necessidade de respostas mais fundamentadas à realidade do aborto. Seu objetivo é ajudar clérigos, religiosos, leigos e estudiosos a alcançar um maior entendimento acerca da doutrina da Igreja sobre o tema.

Do ponto de vista ético e cristão, o livro aborda as temáticas: respostas à interrogação sobre quando começa a vida, análises acerca da sacralidade, do direito e da defesa do dom de viver, além de indicações para uma cultura de cuidado e compromisso com a vida humana.

O texto foi elaborado com a participação dos peritos da Comissão de Doutrina e contou com a análise da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB. O objetivo do texto, segundo o arcebispo eleito de Santa Maria (RS), dom Leomar Antônio Brustolin, é oferecer uma visão interdisciplinar sobre questões em torno da temática do aborto: “Destacam-se assim pontos que favoreçam o dialogo com a sociedade e possibilitem ao cristão a capacidade de fazer contrapontos à mentalidade de descarte da pessoa que nós conhecemos bem”.

Em apresentação durante a 58ª Assembleia Geral da CNBB, dom Leomar adiantou que o primeiro capítulo, por exemplo, recorre às ciências biomédicas e à Filosofia para tratar sobre a definição de quando tem início a vida humana, ponto central muitas vezes esquecido nos debates hoje judicializados. “O debate atual sobre o aborto passou de um confronto baseado nas afirmações filosóficas e médicas para uma disputa quase estritamente jurídica. Essa mudança favoreceu a judicialização da decisão sobre a possibilidade ou não de se praticar legalmente os atos abortivos”, comentou dom Leomar.

Os capítulos seguintes abordam a fundamentação do ensinamento a partir da Sagrada Escritura de que o embrião deve ser respeitado e sobre o valor da vida humana; o contexto atual em que se observa a sobreposição nas legislações da liberdade individual sobre o direito à vida; além de indicações sobre paternidade responsável e o cuidado com as gestantes.

Para adquirir o material, basta acessar o site da editora ou entrar em contato pelo WhatsApp (61) 2193-3019.

*Fonte: Site da CNBB

 

Veja Também