Dom Walmor realiza abertura da Assembleia Geral da CNBB 2021

Parte do Episcopado na assembleia, pela primeira vez, realizada de forma virtual
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Nesta segunda-feira, 12 de abril, teve início a 58ª Assembleia Geral ordinária dos Bispos do Brasil. A Missa de abertura aconteceu às 7h, direto da Capela Nossa Senhora Aparecida na sede da CNBB, em Brasília (DF).

Logo após, às 8h, através da plataforma Zoom, o Presidente da CNBB, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, saudou a todos os bispos, “unidos e missionariamente empenhados na árdua tarefa de evangelização”.

“Este caminho é de grande importância, é o ponto alto do coração do serviço eclesial prestado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Somos desafiados a abrir o coração e a vivenciarmos esse caminho sob as luzes do Cristo Ressuscitado, guiados pelo Espirito Santo.”

Os bispos rezaram então a Oração das Laudes.

Pandemia 

Dom Walmor refletiu sobre o fato de a Assembleia ter sido, neste ano, adiada por duas vezes, por conta da pandemia de coronavírus. E se recordou do sofrimento do povo neste tempo, mortos e doentes.

“Olhando a humanidade e a nós mesmos, chegamos a esta 58ª Assembleia, com os pés cansados e os joelhos enfraquecidos. A pandemia nos vem exigindo aprendizagens e novos rumos”.

Um instante de silêncio pelas vítimas foi feito.

Missão da Igreja

O presidente da CNBB reforçou que é grande a missão da Igreja no Brasil, e irrenunciável sua tarefa educadora.

“Estamos aqui para nos ungir com a fraternidade entre nós, com a força da fé no Ressuscitado, conscientes do quanto precisamos estar fortalecidos.”

Os bispos rezaram o Veni Creator, pedindo a unção do Espírito Santo para estes dias de trabalho. Dom Walmor fez mais uma oração:

“Esta sala virtual da 58ª Assembleia nos fará lembrar saudosos a Casa da Mãe Aparecida. A saudade e as gratas lembranças do tempo vivido ali e que esperamos voltar muito em breve nos encharquem com a certeza de sua intercessão e esperança.

O novo Núncio Apostólico do Brasil, dom Giambattista Diquattro, também se dirigiu ao episcopado brasileiro reunido em Assembleia.

Primeiro Dia

Na parte da manhã, serão apresentados o relatório bienal 2019-2020, organizado pelo Presidente da CNBB, a mensagem do Santo Padre à assembleia e aos bispos do brasil e abordado o tema dos ministérios concedidos às mulheres pelo Papa Francisco.

Também serão apresentados o relatório econômico e o tema central. Os destaques do período da tarde ficam por conta das análises de conjuntura eclesial e social e a programação de atividades dos anos Amoris Laetitia e Josefino, em 2021.

A Assembleia

A 58ª AG da CNBB realiza-se, de 12 a 16 de abril de 2021, em modalidade virtual, por meio da Plataforma Zoom. Em função da pandemia da covid-19, pela primeira vez na história da Conferência uma assembleia será realizada em formato totalmente remoto. O evento contará com sessões pela manhã, das 8h às 12h, e à tarde, das 14h às 17h.

Participam do evento Cardeais, Arcebispos, Bispos Diocesanos e Auxiliares, Coadjutores, além dos Bispos Eméritos e representantes de organismos e pastorais da Igreja que são convidados. A Igreja Católica no Brasil possui 278 circunscrições eclesiásticas, um total de 475 bispos hoje, dos quais 309 exercendo alguma missão e função de governo mais 166 bispos eméritos (aposentados).

Tema central 

O tema central da Assembleia diz respeito ao Pilar da Palavra proposto pelas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE 2019-2023). Mesmo sem a possibilidade de votação de um documento, será debatido o tema “Casas da Palavra – Animação bíblica da vida e da pastoral nas comunidades eclesiais missionárias”.

Os bispos vão aprofundar também outros 30 assuntos previstos estatutariamente sobre a vida da Igreja e a evangelização  no Brasil, entre os quais a análise de conjuntura; o Ano Vocacional previsto para 2023; os anos temáticos de São José e Família Amoris Laetitia, convocados pelo Papa Francisco; o Colégio Pio Brasileiro, em Roma, as Comissões, organismos e Regionais; a criação do Regional Leste 3, as Edições CNBB, o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) e a pandemia do novo coronavírus.

O episcopado brasileiro também aprovará mensagens a serem enviados ao Papa Francisco, à Congregação para o Clero da Sé Apostólica e ao povo brasileiro. Durante a assembleia, também serão apresentados os relatórios do presidente e do ecônomo. Esse também será o primeiro encontro do episcopado com a presença do novo núncio apostólico no Brasil, Dom Giambattista Diquattro, que terá uma audiência on-line com os participantes. O Arcebispo de Boston, nos Estados Unidos, Cardeal Seán Patrick O’Malley, será o pregador de uma manhã de retiro, no dia 15 de abril.

Acompanhe a reunião do episcopado brasileiro

Confira a programação que poderá ser acompanhada pelas redes sociais da CNBB, no Facebook e YouTube.

Missas – Às 7h ocorrerá uma missa diária que será transmitida, direto da capela Nossa Senhora Aparecida na sede da CNBB, pelos canais católicos de TV:  Rede Vida – diário; TV Aparecida – diário; TV Pai Eterno – diário; TV Horizonte – diário; TV Imaculada (rádio e tv) – diário; TV Canção Nova – diário; TV Evangelizar – de 13/04 a 16/04.
Tema do dia – Diariamente, às 13h, três bispos indicados pela presidência da entidade vão apresentar os temas centrais abordados na pauta da Assembleia.
Boletim – A Assessoria de Comunicação da CNBB produzirá diariamente um boletim informativo com a principais notícias e debates do dia, sempre com a presença de um bispo convidado. Poderá ser acompanhado às 19h.

Reze pela 58ª AG CNBB

Compartilhe uma mensagem e oração pelos bispos do Brasil e pela 58ª AGCNBB com a hashtag #58ªAGCNBB.

Fonte: Sites da CNBB, Notícias Canção Nova e Vatican News

Veja Também