Decreto da Prefeitura de Aparecida (SP) estabelece cronograma de reabertura gradual do Santuário e rede hoteleira

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A Prefeitura de Aparecida (SP) publicou, na última segunda-feira (29), um decreto que permitirá a retomada gradual da presença de público nas celebrações do Santuário Nacional e das atividades econômicas na cidade, bem como da rede hoteleira e da feira livre. De acordo com a administração municipal, a reabertura ocorrerá a partir de 28 de julho, seguindo todos os protocolos de prevenção à Covid-19. Já a feira livre tem como data prevista para a retomada de suas atividades o dia 15 de agosto.

Ainda segundo a prefeitura, as datas foram definidas com base na modelagem SEIR, utilizada pelo Estado de São Paulo, que projeta os números de casos (confirmados e suspeitos) de coronavírus em Aparecida, em diferentes cenários. Após análise da atual situação da doença no município e de reuniões com representantes de diferentes setores da cidade, chegou-se à determinação dos dias para a reabertura gradual.

Na última sexta-feira (26), a Basílica da Padroeira do Brasil recebeu a visita de equipes da Secretaria de Saúde e do Comitê de Crise do Executivo Municipal. Na ocasião, foram apresentados os protocolos que o Santuário Nacional desenvolveu para a retomada das atividades celebrativas com a presença de devotos.

O plano apresentado ao Comitê de Crise detalha o fluxo que os romeiros deverão seguir ao entrarem no complexo de acolhida da Basílica, abordando desde a aferição de temperatura corporal até a orientação sobre os locais que os fiéis deverão ocupar dentro do templo.

As equipes de trabalho do Santuário já vêm se preparando para a retomada com a realização de treinamentos teóricos e práticos. As medidas de higienização foram reforçadas, inclusive com aquisição de novos totens com álcool em gel, bombas costais para higienização de grandes espaços e a aquisição de equipamentos de proteção individual para os funcionários, bem como o treinamento que as equipes de atendimento direto ao público receberam, também foram objeto da apresentação.

Desde o início do período de quarentena no estado de São Paulo, o Santuário Nacional já adotou medidas que visam o combate à Covid-19. Em vários pontos, há sinalização reforçando a obrigatoriedade do uso de máscaras, orientação sobre distanciamento adequado e higienização frequente das mãos.

*Fonte: A12.com
**Fotos: Assessoria do Santuário Nacional

Veja Também