Com orações e pregações virtuais, retiro para presbíteros envolve participantes de todo o Brasil

*Sob a proteção de São João Maria Vianney, padroeiro dos sacerdotes, orações são realizadas ao vivo da Catedral de Juiz de Fora
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Na noite da última segunda-feira, 2 de agosto, teve início o Retiro On-line dos Presbíteros do Regional Leste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O momento, acompanhado virtualmente por mais de mil ministros ordenados de todo o país, foi marcado pela primeira pregação do Cardeal José Tolentino de Mendonça, responsável pela condução das reflexões até a próxima sexta (6).

“As minhas primeiras palavras são de gratidão. É verdade que somos uma obra dos outros e, então, queria muito agradecer o convite do senhor Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, que me convidou para fazer este caminho espiritual; primeiro com os sacerdotes da Arquidiocese, depois do Regional e agora de todo o Brasil, e estou fazendo com muita alegria”, disse o Cardeal em sua fala introdutória. “Queria saudar fraternalmente todos os bispos e padres. Durante esta semana, juntos vamos caminhar fazendo este percurso que Deus e o Espírito Santo certamente vão ajudar e nos vão levar pela mão”, continuou. A primeira reflexão do pregador foi baseada no episódio da tempestade acalmada por Jesus, relatada no Evangelho de Marcos (4,35-41).

Além de assistirem à meditação proposta por Cardeal José Tolentino, os inscritos participaram das orações das Vésperas e Completas e da contemplação dos mistérios do Terço, transmitidas ao vivo diretamente da Catedral de Juiz de Fora. Os momentos foram conduzidos pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, que também presidiu a Missa de abertura. “No momento em que começamos o Retiro já sentimos o clima do recolhimento, tanto pelas orações quanto pela colocação tão bonita do Cardeal Tolentino, nos chamando para o ato de fé de lançar-nos nas mãos de Deus”, avaliou o Arcebispo, grande idealizador do evento virtual.

Em sua fala inicial, Dom Gil já havia destacado as características do pregador. “Tem o carisma de proporcionar um sensível diálogo entre os textos bíblicos e as interrogações do presente, razão pela qual o escolhemos e convidamos para ser nosso pregador nestes Exercícios Espirituais.” O Bispo Referencial para Comunicação e Cultura do Regional Leste 2 ainda falou do tema proposto para o Retiro, que aborda “A vida e a espiritualidade do presbítero em tempos de pandemia e pós-pandemia”. “Seus efeitos na vida cotidiana são imensos, causando desempregados, ausência de sustentação familiar e, em alguns casos, até mesmo o desespero de alguns. Também a vida religiosa experimenta suas consequências e nossas liturgias tiveram que se adaptar. Com isso, a vida dos ministros ordenados acaba percebendo desafios novos e desconhecidos. Neste Retiro queremos escutar Deus, abrir-nos ao Espírito Santo e fazer novamente a experiência do encontro com Jesus Cristo, nosso Salvador e Mestre, a fim de sermos iluminados na superação de obstáculos interiores e na busca de novos métodos de ação pastoral.”

Por fim, o Arcebispo de Juiz de Fora ressaltou a importância do comprometimento de cada padre na vivência do Retiro Espiritual. “O retiro on-line, mais que o presencial, pedirá de nós um esforço especial. É importante tomar uma decisão pessoal de acompanhar todas as atividades, com espírito de penitência e verdadeiro recolhimento. Ambientação, determinação, abertura ao Espírito nos ajudarão a ter um bom resultado.”

O Retiro dos Presbíteros do Regional Leste 2 vai até a próxima sexta-feira, 6 de agosto. Todo o Clero da Arquidiocese de Juiz de Fora participa da programação.

Veja Também