Centenas de pessoas acompanham celebração comemorativa dos 90 anos da Diocese de Juiz de Fora, na Catedral

0

Na tarde deste sábado (1), a Catedral Metropolitana recebeu centenas de fiéis na missa em ação de graças aos 90 anos de criação da Diocese de Juiz de Fora. A celebração foi presidida pelo arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada pelo arcebispo emérito, Dom Eurico dos Santos Veloso, e o bispo auxiliar de Belo Horizonte, o juiz-forano João Justino de Medeiros Silva. Também participaram da Santa Missa os sacerdotes e os diáconos permanentes da Arquidiocese, além dos seminaristas que estudam no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. A missa ainda teve a participação do Coral Benedictus, acompanhado por membros do Coral dos Arautos do Evangelho.

Diversas autoridades de Juiz de Fora marcaram presença na celebração, como o prefeito Bruno Siqueira, o vice-prefeito, Sérgio Rodrigues, e o assessor do gabinete do Executivo municipal, Alexandre Jabour. Também vale destacar o comparecimento do chefe do 4º Departamento de Polícia Civil do município, delegado Rogério de Melo Assis Araújo e o comandante interino da 4ª Região de Polícia Militar, tenente-coronel Moisés Ricardo Pinto, entre outras autoridades locais.

Segundo Dom Gil, esta data tão importante deve ser reservada para render graças e agradecimentos a Deus. “Celebrar os 90 anos da Diocese de Juiz de Fora é de grande importância, porque nós queremos agradecer a Deus todos os benefícios concedidos nestes anos pelas pessoas que por aqui passaram, trabalhando para Ele. Também somos gratos pelo que nosso Pai vem realizando durante todo este tempo em favor do povo da Zona da Mata, onde a Igreja quis constituir uma nova circunscrição eclesiástica naquele dia 1º de fevereiro de 1924”, afirma.

A solenidade deste sábado marcou, além da comemoração dos 90 anos de criação da Diocese, a ordenação de dois novos padres e quatro diáconos e a leitura dos decretos de criação de quatro novas paróquias e da nomeação da Comissão Arquidiocesana para o processo de Beatificação e Canonização de Monsenhor Marciano Bernardes da Fonseca.

Após a missa, os presentes foram convidados a assistir a abertura de uma exposição histórica e artística em comemoração aos 90 anos da Diocese. Em seguida, foi servido, no Seminário Santo Antônio, um almoço festivo.

Ordenações

A celebração da manhã de sábado foi muito especial para Gleydson Pimenta de Faria e Wesley Carvalho Neves, ordenados padres, e para Fransérgio Garcia da Silva, José Maria Vieira Novaes, Leonardo Loures Valle e Welington Nascimento de Souza, ordenados diáconos transitórios.

Durante o rito de ordenação, os jovens foram chamados pelo nome por Dom Gil ao altar e ouviram o reitor do Seminário Santo Antônio, Pe. Geraldo Dondici Vieira, dar testemunho de que são dignos a seguir a vocação sacerdotal. Para o arcebispo metropolitano, as ordenações deste sábado são como um presente de aniversário para a Diocese. “É um grande presente para a Igreja, porque são novos pastores, nova força evangelizadora e santificadora que Deus coloca no meio do povo”.

Novas paróquias

Neste sábado (1), a leitura de um decreto oficializou a criação de quatro novas paróquias na Arquidiocese de Juiz de Fora, totalizando 90. São elas: Paróquia Nossa Senhora da Glória, em Santos Dumont/MG; Paróquia Nossa Senhora de Fátima, no bairro de mesmo nome, em Juiz de Fora; Paróquia São Sebastião, em Senador Cortes/MG; e Paróquia Sagrada Família, em São João Nepomuceno/MG.

Na celebração, o arcebispo metropolitano também anunciou por quais sacerdotes cada uma dessas comunidades será cuidada. O Pe. Celso Mendes de Campos será responsável pela Paróquia Nossa Senhora da Glória e o Pe. Luiz Roberto Magalhães Leite (Zucka) irá para a Paróquia Nossa Senhora de Fátima. A recém criada Paróquia São Sebastião receberá o Pe. Elton Adriane de Oliveira, enquanto a Paróquia Sagrada Família acolherá o Pe. Nei Ângelo Furtado Moura.

Exposição “90 anos, 90 paróquias”

Após a missa em ação de graças, todos foram convidados a visitar, no prédio da Cúria Metropolitana, uma exposição histórica e artística em comemoração aos 90 anos da Diocese. Nela, estão representadas todas as paróquias da Arquidiocese, inclusive as recém criadas. A exibição foi organizada pela equipe do Arquivo Histórico Arquidiocesano e pelo curador do Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM), Paulo Avarez.

De acordo com a responsável pelo setor, Rosângela Alves Gabriel de Mello, é uma alegria ter a oportunidade de montar, pela segunda vez, uma exposição de arte sacra e história. “Na exposição comemorativa dos 90 anos de criação da Diocese, cada comunidade contribuiu com símbolos representativos de sua história, de sua caminhada de fé”, destaca.

A exposição está no segundo andar do prédio Christus Lumen Gentium, que fica na Avenida Barão do Rio Branco, 4516, Alto dos Passos. O público poderá visitá-la de segunda a sexta-feira, entre as 8h e 18h, até o mês de abril.

 

Conteúdo Relacionado
X