Celam e CNBB mobilizam rede de solidariedade em torno da Campanha “Juntos Pelo Haiti”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Frente ao terremoto de magnitude de 7,2 na escala Richter que impactou gravemente o povo haitiano, a Igreja latinoamericana e caribenha lançou a campanha “Juntos pelo Haiti”, numa iniciativa que busca somar esforços em torno da emergência desta crise.

Inspirada também pelo caminho sinodal, a campanha busca unir e articular a comunidade eclesial inspirada no amor, na caridade para expressar a solidariedade com os irmãos e irmãs haitianos, especialmente com os que atravessam situações de de vulnerabilidade e padecem com os impactos da crise.

Neste sentido, o Conselho Episcopal Latinoamericano (Celam), a Confederacão Latinoamericana e Caribenha de Religiosas e Religiosos (Clar), a Confederação Interamericana de Educação Católica (Ciec), o Secretariado Latinoamericano e Caribenho da Cáritas (Selacc), com o apoio da Rede Latino Americana e Caribenha de Migração, Deslocamento e Refúgio de Pessoas (Clamor), a Rede Eclesial Panamazônica (Repam) e a Conferência Eclesial da Amazônia (CEAMA), convidam o povo de Deus no continente a somar-se à esta iniciativa solidária com generosidade, criatividade e audácia.

Para apoiar a campanha “Juntos pelo Haiti” tanto o Celam como a Clar, o SELACC e a CIEC implentaram ações de motivação para a ajuda juntos às Conferências Nacionais e Federações para realizar doações e transferir os recursos por meio dos meios e contas estabelecidas para tal fim.

Campanha SOS Haiti

No Brasil, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em conjunto com a Cáritas Brasileira, a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), o Movimento de Educação de Base (MEB) e a  Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC), soma-se aos esforços de ajuda internacional e lançam a campanha SOS HAITI. A ação situa-se no âmbito da Ação Solidária Emergencial É Tempo de Cuidar, puxada desde o início da pandemia como forma de mitigar os seus efeitos.

Objetivos

O objetivo é arrecadar recursos para adquirir itens de primeira necessidade como: alimentos, água potável, barracas, lonas, materiais de higiene e limpeza, medicamentos, atendimento médico, transporte, combustível assim como outros itens para apoiar a população haitiana.

As doações podem ser feitas até 20 de novembro e para isso a Cáritas Brasileira disponibilizou duas contas, que se encontram indicadas abaixo. Todo o recurso arrecadado será destinado a Rede Cáritas Internacional presentes no Haiti, pela Cáritas Nacional e Diocesanas do Haiti.

Fonte: Site da CNBB

Veja Também