Catedral Metropolitana sedia missa anual da Mãe Peregrina

0

No último sábado, 20 de outubro, a Catedral Metropolitana recebeu centenas de devotos da Mãe Rainha Três Vezes Admirável de Schoenstatt para a celebração anual da Aliança de Amor. A Santa Missa foi presidida pelo arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada pelo pároco da Catedral, Monsenhor Luiz Carlos de Paula.

A Celebração Eucarística contou com a presença das missionárias cuidadoras das capelas da imagem peregrina da Mãe Rainha em Juiz de Fora e dos fiéis da cidade que são visitados mensalmente pela imagem. Em entrevista, Dom Gil falou sobre a celebração. “Temos agora a Catedral superlotada de pessoas que vêm para honrar Nossa Senhora e agradecer a ela as grandes graças que receberam pela sua intercessão em nosso favor. Quero agradecer muito a Deus por esse movimento, que faz esse ato de louvor, de piedade e de meditação da Palavra de casa em casa, em nossa Arquidiocese”.

Com relação ao trabalho realizado pelo movimento, o arcebispo explicou que a cada ano está crescendo “e essa visita da capelinha é na verdade a visita de Nossa Senhora, que nos traz à memória a Mãe de Jesus e ali se reza e se medita a Palavra, se enche de bons propósitos para fazer o bem e anunciar Jesus a todos”, completou.

Dom Gil também agradeceu a atuação das coordenações do movimento. “Sobretudo, agradeço a coordenadora da campanha em Juiz de Fora, Rita de Cássia Cantarino Araújo, que tem trabalhado, se dedicado e dado muita atenção e amor a este movimento e a esta ação evangelizadora da nossa Arquidiocese de Juiz de Fora”.

Dentro do movimento Mãe Rainha Três Vezes Admirável de Schoenstatt, 30 famílias são visitadas todos os meses, no mesmo dia, por uma capelinha. Os interessados em receber a visita da Mãe Rainha devem procurar as coordenadoras de sua paróquia. Em caso de dificuldade, podem procurar por Rita Cantarino, na Catedral, às quartas-feiras, de 14h às 16h.

A Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt

A Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt faz parte da Obra Internacional de Schoenstatt, fundada pelo Pe. José Kentenich em 18 de outubro de 1914, em Schoenstatt, na Alemanha. Pe. José Kentenich expressa seu desejo que a Imagem de graças da Mãe Três Vezes Admirável de Schoenstatt tenha um lugar de honra nos lares. Ele escreve em Santa Maria/RS:

“Levem a Imagem da Mãe de Deus e deem um lugar de honra nos lares, assim eles hão de se tornar pequenos Santuários nos quais a Imagem de graças se manifestará, operando milagres de graças, criando uma Santa Terra das Famílias e formando santos membros da família…” (15 de abril de 1948).

*Fonte: Site da Catedral Metropolitana

Conteúdo Relacionado
X