Arquidiocese de Juiz de Fora contribui com Diocese de Divinópolis

Foto: Retirada do Facebook do Monsenhor Luiz Carlos
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

No último domingo (24), dia de Cristo Rei do Universo, Monsenhor Luiz Carlos de Paula, Vigário Geral da Arquidiocese de Juiz de Fora e Reitor do Seminário Arquidiocesano, juntamente com o Diácono Adelmo Resende e sua esposa, Regina estiveram em Conceição do Pará (MG), conduzindo um retiro para 28 futuros diáconos.

A primeira turma de Candidatos ao Diaconato Permanente da Diocese de Divinópolis e suas esposas, estiveram o dia todo em retiro espiritual, no Santuário Diocesano de Nossa Senhora Imaculada Conceição, em Conceição do Pará. O tema do encontro foi a “Espiritualidade do Diácono Permanente”. Na oportunidade, nossos representantes falaram sobre o início do diaconato na Igreja e um pouco da experiência desse ministério em Juiz de Fora.

Foto: Site da Diocese de Divinópolis

Monsenhor Luiz Carlos contou como foi tal ocasião.“Procuramos passar para eles a experiência que nós temos aqui da preparação para o exercício do diaconato permanente nos três grandes ministérios, ministério da Palavra, da Liturgia e da Caridade, ressaltando que o diácono deve ser o homem da caridade”.

A Escola Diaconal Santo Estevão, da Arquidiocese de Juiz de Fora está finalizando sua terceira turma, com a ordenação de 25 senhores no dia 7 de dezembro, às 14h30, em Celebração Eucarística na Catedral Metropolitana. O Vigário Geral e diretor da Escola avalia positivamente o trabalho desse ministério.  “A gente percebe que o diaconato é uma grande força que temos na arquidiocese é uma ajuda muito grande para a evangelização. E as esposas também tem uma atuação bonita, de ajuda, de presença, de apoio do ministério.”

*Com informações da Diocese de Divinópolis

Veja Também