4ª Semana Brasileira de Catequese oportuniza experiências de Iniciação à Vida Cristã às dioceses

0

Entre os dias 14 e 18 de novembro acontece, em Itaici/Indaiatuba (SP), a 4ª Semana Brasileira de Catequese, organizada pela Comissão para a Animação Bíblico-Catequética e pela Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia, ambas da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O evento trará como lema “Nós ouvimos e sabemos que Ele é Salvador do mundo” (Jo 4,42).

O texto-base que norteia o encontro é o Documento 107 da CNBB: “Iniciação à Vida Cristã – Itinerário para formar discípulos missionários”. Dele, do seu primeiro capítulo, foi colhido o lema, como revelador da mística a ser vivenciada pelos participantes. O arcebispo de Curitiba e presidente da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB, dom José Antonio Peruzzo, explica que um dos objetivos gerais da 4ª Semana é compreender a catequese de inspiração catecumenal a serviço da Iniciação à Vida Cristã, buscando novos caminhos para a transmissão da fé, no contexto atual.

“São muitos os cristãos, os católicos, as crianças e os adolescentes que quando recebem o Sacramento da Confirmação desaparecem da Igreja, como se a Crisma fosse uma formatura e para muitos uma despedida. Isso não é segmento de Jesus Cristo. É preciso uma revisão! E Iniciação à Vida Cristã em estilo catecumenal é todo um processo (quer pedagógico, quer litúrgico, quer doutrinal) marcado por ritos de passagem para celebrar intensamente a verdade que professa. É para experimentar o encontro com Jesus!”, salienta o bispo.

Dentro da programação da 4ª Semana, foi pensado um cronograma a partir de aspectos importantes da temática, como por exemplo, “O anúncio de Jesus e os novos interlocutores”. “Os novos são aqueles que ainda não conheceram Jesus Cristo e estão se apresentando a procura dele. E nós precisamos apresentar a pessoa de Jesus. É como um pai que vai falar do seu time ao filho, ele não vai falar de teoria ou esquemas táticos, vai falar das vitórias, das alegrias e das conquistas do seu time de futebol e a criança vai aderir pelo entusiasmo mediante o qual o pai se expressa. No caso dos interlocutores não só apresentar as ideias e os pensamentos de Jesus Cristo, mas apresentar a pessoa de Jesus Cristo”, disse dom Peruzzo.

Outros temas também estarão em evidência no evento, dentre eles: a transmissão da fé no contexto atual; o seguimento de Jesus e o sentido da vida; a liturgia como celebração e iniciação ao mistério; a vida em comunidade que brota do encontro com Jesus; e as novas linguagens da era digital nos processos de transmissão da fé. “Não são as ideias de Jesus que salvam; é a pessoa de Jesus Cristo, então é preciso transmitir a pessoa, apresentar de maneira viva a pessoa de Jesus, que não é apenas uma elaboração discursiva, não é apenas teorização em linguagem doutrinal, mas é transmitir experiências, transmitir testemunhos, partilhar vivências e claro também estudar, também conhecer, também mergulhar naquela realidade que crê, por isso se fala de transmitir à pessoa, é preciso muito mais que um conjunto de reflexões”, finaliza dom Peruzzo.

Como forma de preparação para a 4ª Semana Brasileira de Catequese, a Comissão para a Animação Bíblico-Catequética preparou um subsídio, com cinco encontros, que antecipam as reflexões gerais do evento em rodas de conversa orante que poderão ser feitas nos grupos de catequistas, conselhos pastorais e pequenas comunidades. O Caminho Orante para a 4ª Semana Brasileira de Catequese é uma maneira de impulsionar a mística à Catequese e aos Catequistas de todo o Brasil.

“A 4ª Semana Brasileira de Catequese já começou! Ela quer ser um momento forte de comunhão e de reflexão da Igreja do Brasil a respeito da fé e da Iniciação à Vida Cristã. Por isso, não deve ser entendida como um evento de alguns dias isolado em Itaicí, mas um movimento que perpassa todas as igrejas locais”, afirma o coordenador pastoral da Diocese de Castanhal, no Pará, Victor Hugo Paiva.

Leigo, da Ordem Franciscana Secular, Victor é um dos catequistas que atua na equipe que organiza o evento. Ele também ajudou a elaborar o subsídio. “Tocamos e fazemos a 4ª Semana Brasileira de Catequese quando vivemos esta bonita comunhão, quando rezamos pela sua programação e aproveitamos das suas reflexões, tornando-a vida em nossa ação pastoral. Assim, as comunidades se animam, as dioceses se preparam, a equipe se organiza e a 4ª Semana vai se realizando nos corações de todos que são apaixonados pela Catequese e pela Iniciação à Vida Cristã”, salienta.

Arquidiocese JF presente

Para participar da 4ª Semana Brasileira de Catequese foi dada a oportunidade para cada diocese enviar pelo menos um participante, preferencialmente membro da coordenação da catequese diocesana. A Arquidiocese de Juiz de Fora será representada pelo Padre Gleydson Pimenta de Faria, assessor arquidiocesano da Pastoral Catequética.

*Fonte: Site da CNBB

Conteúdo Relacionado
X