Vigília de Natal reúne número reduzido de fiéis na Catedral

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Noite de festa e de reflexão foi a Vigília de Natal, que aconteceu na quinta-feira, dia 24, na Catedral. A celebração foi presidida pelo Arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada pelos padres da Catedral. Este ano tivemos número reduzido de pessoas devido à pandemia, porém a missa foi transmitida pelos meios de comunicação da Arquidiocese.

Um dos momentos marcantes da celebração foi a entrada do Menino Jesus. Um representante da equipe de cerimonial do Dom Gil trouxe a imagem e a entregou nas mãos do arcebispo.

Em entrevista, Dom Gil felicitou a todos pela passagem do Natal e pediu ao Menino Jesus um presente especial. “Nesta Noite Santa do Natal do Senhor nós queremos levar a você os votos de Feliz Natal. Quero desejar que esse Natal traga para nós o grande presente que o mundo inteiro espera, uma vacina potente para vencer a Covid e nós agora entramos num tempo novo de maior liberdade, inclusive para praticar a fé, nas nossas igrejas, nos nossos templos, em todos os lugares.”

O Arcebispo falou, ainda, sobre a importância desta celebração e de vivê-la de maneira santa. “O que é Feliz Natal? Qual é o Natal feliz? Aquele em que Jesus veio, quanto mais você acolher Jesus no coração, mais feliz é o seu Natal. Não existe Natal sem oração, procure participar da missa, online que seja, mas acolha Jesus no seu coração. Reze em família, sozinho, para ser feliz tem que ser Natal de Jesus, não pode ser apenas um Natal de confraternização. Ceia é boa, não é proibido, mas o que significa isso se você não tem o acolhimento de Jesus no coração?”, completou.

Este ano, com todas as mudanças impostas pela pandemia no novo corona vírus, o arcebispo não realizou o tradicional cumprimento às pessoas na saída da igreja.

Acesse o Facebook da Catedral e confira todas as fotos da celebração.

Fonte: Site da Catedral Metropolitana

Veja Também