Papa Francisco nomeia Dom Luiz Carlos Dias como Bispo da Diocese de São Carlos (SP)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

O Papa Francisco nomeou, na manhã desta quarta-feira, 20 de outubro, o bispo-auxiliar de São Paulo (SP), dom Luiz Carlos Dias, como bispo da diocese de São Carlos (SP). A diocese encontrava-se vacante desde 21 de outubro de 2020 quando dom Paulo Cezar Costa foi anunciado como arcebispo de Brasília (DF). Desde então, a diocese de São Carlos estava sob os cuidados pastorais de dom Eduardo Malaspina, seu bispo auxiliar.

Trajetória eclesial

Dom Luiz Carlos Dias tem 57 anos e é natural de Caconde (SP). Foi ordenado diácono em 1989 e sacerdote, em 5 de abril de 1991. Pertence ao clero da Diocese de São João da Boa Vista (SP). Cursou Filosofia e Teologia no Centro de Estudos da arquidiocese de Ribeirão Preto (CEARP). É mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, com formação em Ética Social na Adveniat, Alemanha.

Na trajetória sacerdotal, padre Luiz atuou como reitor do Propedêutico, Casa “São Paulo” (1992 a 2002); vigário paroquial na paróquia Imaculada Conceição, em Caconde (1991 a 2002); pároco da paróquia Nossa Senhora de Fátima, em São João da Boa Vista, em 2005; diretor do Instituto de Filosofia da Diocese de São João da Boa Vista; reitor do Seminário Diocesano de Teologia “São João Maria Vianney” (2005 a 2010); vigário da paróquia São Judas Tadeu em Mogi Guaçu (2005 e 2010).

Também exerceu a docência em Teologia Moral, no Instituto de Teologia de São João da Boa Vista (1992 a 2001); Antropologia Cultural e História da Filosofia, no Instituto de Filosofia da diocese de Guaxupé; História da Filosofia, Metafísica e Seminários, no Instituto de Filosofia de São João da Boa Vista; História da Ética, no Instituto de Filosofia da arquidiocese de Brasília.

Na diocese de São João da Boa Vista, coordenou a Pastoral missionária diocesana e foi membro do Conselho de Presbíteros. No período de 2010 a 2015, exerceu o cargo de secretário executivo das Campanhas da Fraternidade e da Evangelização, na Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília.

Foi nomeado bispo auxiliar de São Paulo e bispo titular de “Tunes” no dia 16/03/2016. Sua ordenação episcopal aconteceu dia 07/05/2016.

Fonte: Site da CNBB

Veja Também