Nota de esclarecimento

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Diante dos fatos noticiados pela imprensa referente ao Sr. Mário Roberto Gomes de Arruda, preso na última quinta-feira (20), por tráfico de drogas na Igreja de Pontezinha, no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, o arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, reconhece e faz sua a nota de esclarecimento emanada pela sua excelência, o arcebispo metropolitano da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Antônio Fernando Saburido, OSB.

Dom Gil Antônio reitera também, que o Sr. Mário Roberto, desde setembro de 2012 foi dispensado das obrigações da sagrada ordenação, não sendo mais considerado sacerdote e assim, não fazendo mais parte da Arquidiocese de Juiz de Fora.

Para acessar a nota de esclarecimento da Arquidiocese de Olinda e Recife, clique aqui.

Outras informações:

Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora – (32) 3229-5450

Veja Também