Milhares de pessoas participam da última Missa do Impossível de 2019

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Cerca de 30 mil pessoas lotaram o campo do Sport, na noite dessa terça-feira (17), para a última Missa do Impossível de 2019. A noite, marcada por fortes momentos de oração e testemunhos, começou com os terços da Batalha e do Impossível, como acontece tradicionalmente às terças-feiras, na Igreja São José. Esta foi a primeira vez que a celebração foi realizada fora das dependências do templo religioso.

Em seguida, teve início a Eucaristia, que este ano teve o tema inspirado em trecho do evangelho de São Mateus (17,20): “Jesus respondeu-lhes: ‘Por causa de vossa falta de fé. Em verdade vos digo: se tiverdes fé, como um grão de mostarda, direis a esta montanha: Transporta-te daqui para lá, e ela irá; e nada vos será impossível’.”

Durante a homilia, o Padre Pierre Maurício de Almeida Cantarino, grande responsável pela Missa, pediu aos fiéis fé e paciência na realização dos seus difíceis e impossíveis. “Não apavora não. Jesus vai invadir e transformar a sua vida na hora que Ele sabe. O problema nosso é que a gente não espera o tempo de Deus. Existe na Terra um tempo para tudo, para plantar e para colher”. Segundo o sacerdote, o que é improvável para a razão humana não o é para o Pai. “Não importa qual dificuldade você esteja hoje; entenda, proclame, glorifique a Deus, porque Ele vai tocar e modificar a sua história. E sem critério nenhum. Não existe um critério humano, nós estamos falando de um Deus. E Deus não trabalha com aquilo que é próprio nosso, Deus trabalha com a graça que é d’Ele”.

Padre Pierre também consagrou os “montes” de papel, dentro dos quais todos colocaram, junto aos desenhos de grãos de mostarda, as suas necessidades e desejos. Ao final da Celebração, houve breve momento de adoração ao Santíssimo Sacramento e bênção dos objetos de devoção e da água.

Círio de Nossa Senhora dos Impossíveis

Ao final, o Administrador da Paróquia São José convidou os fiéis a participarem da primeira Missa do Impossível de 2020, em 7 de janeiro. Na ocasião, será acolhida a imagem de Nossa Senhora dos Impossíveis, que protagonizará o 1º Círio de Juiz de Fora. Este acontecimento será marcado por uma novena, que começa no dia 9, e terá como destaque a carreata que tomará as ruas em 12 de janeiro.

Durante a manhã daquele dia, a imagem desta devoção mariana percorrerá a cidade em uma berlinda – como a de Nossa Senhora de Nazaré, no Círio de Belém – parando na Praça Antônio Carlos, no Centro, onde haverá uma Missa às 16h. De lá sairá a “procissão da corda”, momento no qual os devotos fazem seus pedidos e entregam suas necessidades à Mãe de Jesus. O cortejo irá até a Igreja São José.

Outra novidade é a forma como o Círio, grande vela de 1,80m de altura e 80 centímetros de diâmetro, será formado: com a cera das velas acesas pelos fiéis a partir do dia 23 de dezembro, no templo da Avenida Sete de Setembro, e que representarão aquilo que eles desejam alcançar pela intercessão de Nossa Senhora dos Impossíveis.

Confira mais fotos em nossa página no Facebook.

Veja Também