Encontro Mineiro das CEBs reúne mais de 600 pessoas na Diocese de Caratinga (MG)

0

Gente de fé, membros da Igreja viva, vindos das diversas regiões de Minas Gerais se encontraram em Ipanema (MG), região da Zona da Mata, para mais um encontro das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs). Regidos pelo tema “Os desafios de uma Igreja em saída na construção da sociedade do bem viver e conviver”, estiveram presentes mais de 600 participantes de 22 (arqui)dioceses mineiras.

De maneira muito participativa, aconteceram fortes momentos de espiritualidade, com uma liturgia contagiante e ligada com a vida. Os dias de encontro, realizado de 19 a 21 de julho, foram marcados pela presença de Deus, na escuta de Sua Palavra, que ressoava nos participantes e se traduziam em preces, louvores, denúncia das injustiças e anúncio da Boa Nova.

Na noite de abertura, foi lida a mensagem enviada por Dom Paulo Mendes Peixoto, Arcebispo de Uberaba (MG), recentemente nomeado bispo referencial das CEBs no Regional Leste II da CNBB. Em sua mensagem ao povo de Deus reunido em Ipanema, ele salientou a necessidade de somar forças para “construir uma sociedade em que o desenvolvimento econômico não seja priorizado, mas dê oportunidade para todos e defenda a casa comum”. Dom Paulo destacou ainda que o encontro “é de grande utilidade para a caminhada e as práticas concretas das CEBs, como jeito próprio de ser Igreja nas bases”.

Dom Emanuel, bispo da Diocese de Caratinga (MG), acolheu com alegria todos os participantes e salientou: “Estou aqui apoiando e dando presença a este 8º Encontro Mineiro das CEBs. ‘Novo céu e nova terra’, a partir desta profecia bíblica, a utopia do Reino que nos faz a todos mais missionários”.

O Padre Alfredo Gonçalves, missionário scalabriniano, atualmente residente no Rio de Janeiro, e Sônia Gomes de Oliveira, de Montes Claros e atual presidente do Conselho Nacional do Laicato do Brasil, foram responsáveis por desenvolver a reflexão em torno do tema do evento. Enquanto o sacerdote apontou cinco “janelas” pelas quais pode-se enxergar melhor a realidade e os desafios no contexto atual, Sônia partilhou sua experiência da articulação dos trabalhos de comunidade em uma rede de solidariedade na qual fé e vida andam juntas e tem recuperado a vida, a dignidade e a esperança de muitas pessoas no Norte de Minas.

O bispo auxiliar de Belo Horizonte, Dom Vicente de Paula Ferreira, também presente no encontro, destacou a luta e a resistência do povo de Brumadinho diante do drama do rompimento da Barragem da Vale acontecido na cidade. Ele destacou a necessidade de ampliar a Doutrina Social da Igreja para a Doutrina Social e Ambiental, incluindo a preocupação com a defesa e a preservação da nossa Casa Comum, conforme apelos do Papa Francisco.

As Comunidades Eclesiais de Base da Arquidiocese de Juiz de Fora foram representadas por 30 delegados, além dos coordenadores diocesanos Maria Geralda Soares, Brás José de Andrade e Perpétua das Dores Fernandes. Vale destacar que o 9° Encontro Mineiro de CEBs será em 2023, na Diocese de Guaxupé.

*Com informações e fotos do site das CEBs de Minas

Conteúdo Relacionado
X