Comunidade de Juiz de Fora celebra festa do primeiro santo brasileiro

Foto: Convento da Penha

No dia 25 de outubro, a Igreja faz memória de Santo Antônio de Santana Galvão, o primeiro santo nascido no Brasil, mais precisamente em Guaratinguetá (SP). Exemplo de constante oração, realizava fenômenos místicos como levitação e bilocação. É considerado padroeiro dos engenheiros, arquitetos e construtores.

Na Arquidiocese, a comunidade que leva seu nome, pertencente à Paróquia Nossa Senhora Aparecida, inicia a festividade em sua homenagem neste sábado (22), na Matriz, com Terço e Missa. O tríduo se estende até dia 24 de outubro, sempre às 19h.

Já no dia dedicado a São Frei Galvão (25), às 18h, uma procissão luminosa saíra da comunidade, na Rua Francisco Falci, com a imagem do padroeiro. Em seguida, será celebrada Santa Missa Festiva.

A Paróquia Nossa Senhora Aparecida fica na Rua Nossa Senhora Aparecida, 120 – Bairro Nossa Senhora Aparecida e a Comunidade Frei Galvão localiza-se na Rua Francisco Falci, 420 – Bairro Grajaú.

Veja Também