Chega ao fim a 58ª Assembleia Geral da CNBB e Dom Gil a classifica como “maravilhosa”

0

A 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) chegou ao fim no início da tarde desta sexta-feira, 16 de abril, após uma série de partilhas e comunicados de Comissões e organismos. Durante a última sessão, os bispos também rezaram por ocasião do aniversário do Papa emérito Bento XVI, que completa 94 anos hoje, saudaram os administradores diocesanos e lembraram dos membros do episcopado falecidos nos últimos dois anos.

Ao final do encontro, o Arcebispo de Belo Horizonte (MG) e Presidente da CNBB manifestou gratidão e ação de graças a Deus e cada um dos que se envolveram no trabalho e assumiu um compromisso: “Saímos com a consciência de que temos importantíssimas tarefas legadas por esta 58ª Assembleia Geral”.

Na avaliação do Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, a assembleia foi maravilhosa. “Num clima de fraternidade, de sinceridade e de muito amor a igreja, ao povo de Deus no Brasil, muitos temas que foram tratados, mais de 30. Um trabalho bastante intenso que tivemos durante esses cinco dias, mas tudo resolvido a contento. Destaco o tema central, que é a Casa da Palavra, é a valorização cada vez maior da palavra de Deus e neste ano estamos completando 50 anos do mês da Bíblia”.

Dom Gil ainda elencou alguns momentos importantes. “Nessa assembleia com participação maciça, praticamente de todos os bispos do Brasil, também pudemos trabalhar na reformulação do estatuto da CNBB. Um outro ponto importante foi a criação do ano vocacional para 2023. E um momento de grande fraternidade entre o episcopado brasileiro: tivemos um retiro espiritual pregado pelo cardeal de Boston. Nos fez celebrar com muito amor nossa opção por Jesus Cristo, nossa condição de orantes e missionários. E tantas outras coisas foram realizadas, celebradas”.

Saudação aos Administradores Diocesanos

Durante a Assembleia muito se falou para os (arce)bispos, mas no Brasil temos uma arquidiocese e outras oito dioceses vacantes. Em vista disso, o Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro e Secretário-geral da CNBB, Dom Joel Portella Amado, dedicou um momento para saudar os administradores diocesanos, que estão à frente dessas dioceses.

Homenagem

Foi apresentado ao final do encontro, antes da oração, um vídeo para recordar os bispos que faleceram desde a última assembleia. Ao som de “Eu o ressuscitarei”, a homenagem emocionou os presentes ao recordar grandes pastores e suas entregas à missão da Igreja.

Encerramento

Para encerrar a 58ª Assembleia Geral Ordinária da CNBB em sinal de ação de graças, Dom Joel exibiu um vídeo produzido com a música Te Deum, uma expressão em cuja origem latina da palavra significa: “A Ti louvamos, ó Deus”. A música usada é de autoria do padre João Carlos, do DVD Amor Intenso, da gravadora Som Livre.

O vídeo de seis minutos, produzido pela Assessoria de Comunicação da CNBB, é uma síntese das principais atividades da CNBB nos últimos dois anos, também um resumo dos dias da assembleia e parte das pessoas que trabalharam na sua realização.

*Com informações do Site da CNBB

Conteúdo Relacionado
X