Padre Erélis Camilo é empossado como Administrador Paroquial na Paróquia Nossa Senhora da Cabeça

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A Paróquia Nossa Senhora da Cabeça acolheu, na noite da última quinta-feira (23), seu novo Administrador Paroquial, Padre Erélis Camilo Resende de Paiva. A celebração de Posse, presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, também foi marcada pela despedida do Padre Marcos Ribeiro Silvestre.

A comunidade local compareceu em peso e realizou uma acolhida calorosa a seu novo padre. O sacerdote agradeceu a todos e explicou como é sua forma de trabalhar. “Quero fazer mesmo trabalho que fiz onde passei, de ir ao encontro daqueles que mais precisavam. Ser aquele padre que se você ligar meia noite pedindo uma oração eu estarei disponível, me coloco a disposição de todos e conto com a ajuda de todos. Quero desempenhar meu trabalho de acordo com o Coração de Jesus, manso e humilde. Sempre foi meu lema: precisou de mim, me buscou e me levou, eu vou”.

Na ocasião, celebrando antecipadamente a liturgia da Solenidade de São João Batista, por causa da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus nesta sexta-feira, Dom Gil destacou a importância do primo de Jesus, pois ele preparou o caminho, foi o precursor. Ele frisou, ainda, a humildade como característica comum nos principais atores da história da salvação, exemplo a ser seguido.

Dom Gil abraçando Pe. Marcos e agradecendo pelos trabalhos prestados à Arquidiocese.

Com humildade e gratidão, o Arcebispo renovou o agradecimento a Diocese de Valença que havia cedido o Padre Marcos. Ele é Reitor do Seminário São João XXVII da diocese vizinha e atuava na paróquia há mais de cinco anos. “A gente tem muita alegria de ter o seminário aqui [em Juiz de Fora] e os seminaristas fazendo parte da nossa comunidade formativa. Há muitos anos que isso acontece. Acontece que está faltando padre na diocese irmã, por isso ele está saindo. Temos que compreender a necessidade dos irmãos”, explicou ele.

Para o sacerdote carioca o sentimento que prevalece nesta conclusão da missão é de gratidão. “É uma grande alegria chegar ao final dessa caminhada aqui na paróquia nossa Senhora da Cabeça, concluir os trabalhos depois de cinco anos e meio servindo ao reino nesta porção do povo de Deus aqui reunido. Fui muito amado, muito acolhido. Cheguei aqui com pouco mais de um ano de padre, aqui aprendi muito do meu ministério e consegui fazer com que a graça de Deus pudesse chegar aos corações daqueles que me foram confiados. Também sou muito grato a Deus por ter permitido que a sua graça pudesse chegar, através do povo, ao meu coração”, contou Pe. Marcos.

Na oportunidade, o Pastor Arquidiocesano recordou que é a segunda posse dada na grande modificação que foi anunciada no mês passado. São 33 novas posses obedecendo o aquilo que o sínodo inspirou, que é a revitalização da pastoral. Novos padres representam também um sangue novo em cada lugar, para desempenhar aquilo que vamos aprendendo em nossa caminhada sinodal.  [Quero] desejar ao Padre Erélis as melhores bênçãos através de Nossa Senhora da Cabeça”, concluiu.

É possível conferir mais fotos da posse em nossa galeria.

Veja Também