Dois novos sacerdotes são ordenados em Linhares

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Aconteceu na manhã de sábado, (29), a Ordenação Sacerdotal dos Padres Jorge Lopes dos Santos e Willians Ferreira da Silva. A Missa foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira. Participaram da Eucaristia diversos padres da Arquidiocese , incluindo o Vigário Geral , Monsenhor Luiz Carlos de Paula e o fundador da Comunidade Evangelizadora Magnificat (CEM) Padre Pedro Paulo dos Santos (Pepê).

Padre Jorge falou sobre a graça em ser ordenado padre após anos de preparação. “Meu coração está muito agradecido a Deus por este momento de celebração de uma ordenação sacerdotal, tanto minha como do meu irmão,Williams. Estou muito grato a Deus, ao meu querido padre fundador, Padre Pepe, e a minha família.”

O novo sacerdote também comentou sobre o caminho trilhado até a sua ordenação: as provações, distância da família, alegrias e espiritualidade em seu percurso. “É algo que não sei como explicar, é um momento de grande reflexão, pois Deus vem colocando todas as coisas paulatinamente na minha vida. É até dificil de falar, mas agradeço a Deus por tudo o que estou vivendo.”, disse emocionado.

O lema que inspirará o sacerdócio do Padre Jorge será “Eis que faço novas todas as coisas” (cf. Ap 21,5). “Aquele que acredita no Senhor e tem abertura de coração, o Espírito Santo de Deus vem e faz morada nele. E com certeza, habitando na pessoa, o Cordeiro imolado, que morreu pela nossa salvação, vai fazer nova todas as coisas. Me encanta esse ‘fazer novo’ de Jesus em nós”, explicou.

Irmão de comunidade, Padre Willians resumiu o momento em alegria e gratidão. “Meu coração está cheio de alegria! Alegria e gratidão! Gratidão a Deus, à Santa Igreja, a minha familía religiosa, Comunidade Magnificat, à Arquidiocese de Juiz de Fora que acolheu a minha comunidade e portanto me acolheu, gratidão ao povo de Deus! Meu coração está pleno de gratidão!”

O sacerdote também falou sobre os frutos colhidos em sua trajetória, desde o início de sua formação até os dias atuais. “O que mais me toca nestes 11 anos não foram os estudos filosóficos e teológicos , pois isto faz parte, mas foram as pessoas que eu pude encontrar neste caminho: padres de Deus, povo de Deus, Seminaristas de Deus em que muitos já são padres e outros se tornarão, as pessoas que marcam a nossa trajetória. A eles meu muito obrigado! Gostaria que estivessem aqui, mas devido à pandemia não é possível, mas estão em meu coração. Agradeço pois fazem parte da minha história.”

Como lema, Padre Willians escolheu “Cristo vive em mim”, trecho retirado da Carta de São Paulo aos Gálatas (cf. Gl 2,20). A opção se deu por duas razões. “O primeiro é o motivo histórico: ‘Cristo Vive’ é o nome do grupo de oração que eu participei durante a minha juventude. O segundo é o motivo espiritual-teológico. Eu quero que a luz de Cristo brilhe em mim. Eu quero me consagrar, me configurar a Cristo. Dizer que Cristo vive em mim, além de uma afirmação, é também um pedido, porque eu quero, cada vez mais, diminuir para que Ele cresça. Eu quero levar às pessoas esse mesmo amor que eu encontrei e que mudou radicalmente a minha vida, que me tirou de várias trevas em que eu vivia e me trouxe para a luz verdadeira, me trouxe para a felicidade”, finalizou.

Formadores e amigos de comunidade:

Para o fundador da Comunidade, Padre Pepê, o momento é de agradecimento. “Todas as vezes que estamos com um novo padre eu começo dizendo, Obrigado! (Obrigado) à Arquidiocese de Juiz de Fora que desde Dom Clóvis Frainer, nos aceitou para estudar, depois Dom Eurico nos reconheceu e Dom Gil confirmou nossa presença aqui. Agradeço a todos os padres, eu tive a graça de dar aula para a maioria! Agradeço ao Dom Gil pelo carinho que ele nos dá e a todo povo da Arquidiocese, especialmente ao povo da nossa comunidade de Linhares, que nós assumimos e estamos vivendo nosso carisma que é Evangelizar na força da Eucaristia.”

Sediada em Três Corações (MG), a Comunidade Evangelizadora Magnificat foi reconhecida pela Arquidiocese de Juiz de Fora em 18 de maio de 2007. Os religiosos a ela pertencentes são ordenados pelo Arcebispo de nossa Igreja Particular e pertencem ao clero juiz-forano, apesar de estarem à disposição da CEM.

Para o Padre João Batista Rodrigues de Almeida (CEM), o momento foi de grande alegria para a Arquidiocese de Juiz de Fora e também para a Comunidade Magnificat. “Estamos aqui em baixo desta chuva abençoada, no dia de Nossa Senhora Rainha, nos preparando para a ordenação sacerdotal dos (então) Diáconos Willians e Jorge. Para nós é uma alegria grandiosa, não tem como medir nossa alegria por causa dessas duas ordenações.”

Padre João recordou também a importância de novos sacerdotes em tempos como os atuais. “São dois novos padres para a Igreja, novos combatentes, dois novos soldados em ordem de batalha. Para nós é um momento de satisfação e agradecimento! Peçamos ao Senhor que rios de bênçãos se derramem sobre os nossos diáconos e que sejam padres segundo o coração de Jesus.”

Acolhida do Pastor:

Em entrevista, Dom Gil expressou sua felicidade em celebrar a ordenação de novos sacerdotes neste período de pandemia. “Cada padre que ordenamos é uma grande alegria que vai ao coração do Bispo e é um grande serviço que se presta à arquidiocese de Juiz de Fora, neste caso. Recebendo estes dois novos padres, dedicados a comunidade Evangelizadora Magnificat, eles entram para o trabalho Misisonário e pastoral da igreja, revestidos da dignidade sacerdotal como presbíteros, como verdadeiros Missionários.”

Dom Gil agradeceu também o trabalho da Comunidade Magnificat que continua servindo à Igreja na formação de novos seminaristas e na evangelização com os padres. “A Comunidade Evangelizadora Magnificat tem como vocação Evangelizar, o que está muito ligado ao nosso Sínodo Arquidiocesano, cujo lema é “Proclamai o Evangelho pelas ruas e sobre os telhados” e o lema da Arquidiocese de Juiz de Fora é “Arquidiocese de Juiz de Fora uma Igreja sempre em missão”.

O Pastor completou sua fala agradecendo ao Padre fundador da Comunidade pelo comprometimento na formação e Evangelização de seus sacerdotes. “Quero cumprimentar o Padre Pepê, a comunidade Magnificat e agradecer a ele pela formação que dá aos seus sacedotes, aqueles que vão colaborar na Evangelização sempre com olhos fixos em Nossa Senhora, a grande Missionária do pai, que vem trazer para nós o próprio Jesus Cristo, o grande Missionário na história da Igreja. É um dia de alegria para todos nós!”

Padre Williams foi nomeado Vigário Paroquial na Paróquia Nossa Senhora Aparecida no bairro Linhares e o Padre Jorge ficará a disposição da Comunidade.

Veja Também