Cardeais apresentam as mensagens ao povo brasileiro, ao Dicastério para os Bispos e ao Papa Francisco

*Foto: Divulgação/CNBB

A Coletiva de Imprensa do nono dia da 60ª Assembleia Geral da CNBB, dia 27 de abril, contou com a participação do Arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), Cardeal Orani João Tempesta, Arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), que apresentou a carta do Episcopado Brasileiro ao Papa Francisco; do Arcebispo de Brasília (DF), Cardeal Paulo Cezar Costa, para falar sobre a carta destinada ao Dicastério para os Bispos, do Vaticano; e do Arcebispo de São Paulo (SP), Cardeal Odilo Pedro Scherer, para apresentou a carta do Episcopado ao povo brasileiro.

O Cardeal Orani iniciou a coletiva afirmando que o envio de uma Carta do Episcopado Brasileiro ao Santo Padre é uma tradição de todas as assembleias da CNBB. Ele informou que a carta foi enviada ao Papa Francisco na quinta-feira, dia 26 de abril, e reafirma a unidade e fraternidade do episcopado brasileiro com ele. O texto fala também que os bispos estão em permanente oração por ele e conta um pouco da caminhada da Igreja e da assembleia geral”, informou. Em seguida, o cardeal Orani partilhou o conteúdo da carta com os presentes.

Agradecimento e acolhida

O Cardeal Paulo Cezar informou que, também seguindo uma tradição, foram elaboradas duas cartas dirigidas ao Dicastério para os Bispos, do Vaticano. Uma carta dirigida ao Cardeal Marc Ouellet, que está deixando a função, e outra a Dom Robert Francis Prevost, que assume como novo prefeito do organismo da cúria.

A primeira, dirigida ao Cardeal Marc Ouellet, foi em tom de agradecimento pelo trabalho que desenvolveu desde 2013. O documento agradece o prelado “pela acolhida em clima de fraternidade ao episcopado brasileiro durante a visita ad limina, pelo simpósio que promoveu sobre a teologia fundamental do sacerdócio, que resultará em uma publicação a ser lançada pela Edições CNBB com a presença dele durante o lançamento no Brasil.

A segunda carta, dirigida a Dom Robert Francis, informou o Cardeal Paulo Cezar, atual prefeito, iniciou saudando-o por sua nomeação, pelo tempo pascal no qual Jesus Cristo transmite a todos a mensagem de esperança. Os bispos também partilharam, na missiva, um pouco sobre a organização da CNBB, da realidade do país e do povo do Brasil. “Também, contamos um pouco sobre a pauta discutida em nossa assembleia geral, nossa caminhada e por fim agradecemos a Deus o caminho feito de modo firme, sereno e evangélico durante a pandemia e as instabilidades políticas do país”, relatou o Cardeal Paulo Cezar.

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo (SP), partilhou que a Assembleia Geral da CNBB produziu a tradicional Mensagem ao Povo Brasileiro, “que sempre possui as tonalidades do momento em que vivemos, e dessa vez não seria diferente, para que seja uma expressão do pensamento de toda a assembleia geral dirigida a todo o povo brasileiro”.

*Fonte: Site da CNBB

Veja Também