Virgens Consagradas da Arquidiocese lançam primeiro site exclusivamente sobre a modalidade de vida consagrada

Imagem representativa/ Foto: Arquidiocese de Valência (ES)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Nesta semana foi lançado o site da Ordem das Virgens da Arquidiocese de Juiz de Fora. Uma forma de vida que experimentou um grande crescimento nos últimos anos, a Consagração Ordo Virginum tem origem evangélica, remonta as santas mulheres até o século III. Foi retomada pelo Concílio Vaticano II e passou a existir em nossa Arquidiocese a partir da primeira consagração realizada no ano passado, na festa de Nossa Senhora do Carmo, em 16 de julho.

As consagradas da Ordem das Virgens são aquelas mulheres que emitem um propósito público de virgindade consagrada diante do bispo diocesano, sem pertencerem a congregações religiosas, ou mosteiros, para dedicarem-se ao serviço da Igreja. Elas permanecem enraizadas na diocese em que já vivem e na qual amadureceram o discernimento vocacional e processo formativo.

A ideia da criação de um site surgiu por não existir outro canal de comunicação que concentrasse todas as informações sobre essa modalidade de vida consagrada. “A ideia surgiu, primeiramente, de levar a informação. Mas também de estabelecer um contato entre as vocacionadas de nossa Arquidiocese, e também a nível Brasil, porque em nosso país ainda não tinha um site próprio para essa modalidade”, contou Marcela Kamiroski, primeira virgem consagrada da Arquidiocese.

No portal é possível encontrar informações sobre o estado de vida, requisitos para admissão, realidade da vocação, sobre a Igreja local – pois as virgens devem ter um profundo amor por sua Igreja Particular e estarem alinhadas às diretrizes de sua diocese, e há um espaço para contato.

As consagradas são chamadas a dar testemunho de fé e vida cristã na profissão, na família e onde estiverem. Devem santificar a Pastoral paroquial ou diocesana, segundo suas possibilidades. Segundo Marcela, os planos são de capacitar o discernimento vocacional de jovens de Juiz de Fora. “Pretendemos fazer encontros nas paróquias com jovens de 14 a 25 anos, ou jovens maduras que desejam conhecer melhor a própria vocação, e fazer um encontro com o amor de Deus.”

Acesse o site e saiba mais sobre a Ordem das Virgens.

Veja Também