Papa nomeia Padre Dirceu de Oliveira Medeiros, do Clero de São João del-Rei (MG), como novo Bispo de Camaçari (BA)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

O Papa Francisco acolheu, nesta quarta-feira, 27 de outubro, o pedido de renúncia apresentado por Dom João Carlos Petrini ao governo pastoral da Diocese de Camaçari (BA), por motivo de idade, conforme o cânon 401 do Código de Direito Canônico. Foi escolhido pelo pontífice como sucessor de Dom Petrini o Padre Dirceu de Oliveira Medeiros, atual Subsecretário Adjunto Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O sacerdote é oriundo do Clero da Diocese de São João del-Rei (MG), pertencente à Província Eclesiástica de Juiz de Fora, e cursou Filosofia e Teologia no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. O Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora e Metropolita da Província, Dom Gil Antônio Moreira, comemorou a notícia. “Ele é ex-aluno de nosso Seminário Santo Antônio, o que torna dupla a nossa alegria. Queremos congratular-nos com Dom Dirceu essa felicíssima notícia.”

Segundo Dom Gil, a Ordenação Episcopal de Padre Dirceu está prevista para o dia 4 de dezembro, na Catedral de São João del-Rei.

Novo bispo

Padre Dirceu de Oliveira Medeiros nasceu em 28 de março 1973, em Barroso (MG), filho de Paulo Garcia de Medeiros e Manoela de Oliveira Medeiros. Cursou os ensinos fundamental e médio na Escola Estadual Francisco Antônio Pires na cidade natal.

Ingressou em 1995 no Seminário São Tiago, da Diocese de São João del-Rei, situado em Juiz de Fora (MG). Cursou Filosofia de 1995 a 1997 no Instituto Teológico Arquidiocesano Santo Antônio. Possui Licenciatura Plena em Filosofia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Cursou Teologia de 1998 a 2001, também em Juiz de Fora, e possui o título de Bacharel em Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ).

Foi ordenado diácono em 28 de julho de 2001 na Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar, em São João del-Rei, e presbítero em 15 de dezembro do mesmo ano, na Paróquia de Sant’Ana do Barroso. Em 2015 participou, no Convento do Ecce Homo, em Jerusalém, do curso de aprofundamento bíblico e arqueologia bíblica promovido pelos filhos e filhas da Congregação de Sion. Lecionou nos cursos de Teologia para Leigos na Diocese de São João del-Rei e no Instituto Arquidiocesano Santo Antônio, em Juiz de Fora.

Na Diocese de São João del-Rei exerceu diversas funções: animador diocesano das Campanhas da Fraternidade, Vigário Forâneo, Vigário Geral e, de 2018 a 2019, foi Administrador Diocesano. No Regional Leste 2 da CNBB foi coordenador da Comissão de Bens Culturais da Igreja. Foi Vigário Paroquial na Paróquia Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos em São João del-Rei de 2002 a 2004 e Pároco na Paróquia Nossa Senhora da Conceição da cidade de Prados (MG).

Desde junho de 2019 exerce a função de subsecretário adjunto geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), residindo em Brasília-DF.

Outras nomeações

Também nesta quarta-feira (27), o Papa Francisco nomeou o Padre Joel Maria dos Santos como Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte (MG).  Monsenhor Joel é pároco da Paróquia Santíssima Trindade, na capital mineira, e, desde dezembro de 2016, também exerce a função de Vigário Episcopal para a Ação Pastoral naquela Igreja particular.

Em Colatina, o novo bispo é o Cônego Lauro Sérgio Versiani Barbosa, da Arquidiocese de Mariana (MG). A diocese capixaba estava vacante desde janeiro deste ano após a nomeação de Dom Wladimir Lopes Dias para a Diocese de Lorena (SP).

*Com informações do site da CNBB

Veja Também