Milhares de pessoas participam de Missa e Procissão de Corpus Christi no Centro de Juiz de Fora

0

Na noite dessa quinta-feira, 20 de junho, milhares de pessoas tomaram as ruas centrais de Juiz de Fora na tradicional procissão de Corpus Christi. O cortejo saiu da Igreja Bom Pastor, no bairro homônimo, em direção à Catedral Metropolitana e foi precedido por Celebração Eucarística presidida pelo arcebispo, Dom Gil Antônio Moreira.

 A Santa Missa, concelebrada por diversos padres e auxiliada por diáconos permanentes, marcou o dia festivo na Forania Santo Antônio, composta por dez paróquias. Após a comunhão e breve momento de adoração Eucarística, o entorno da Igreja Matriz foi iluminado pelas velas dos fiéis presentes. Dali, seguiram entoando canções e orações pelas avenidas Dr. José Procópio Teixeira e Barão do Rio Branco.

Durante o trajeto, foram feitas três paradas, durante as quais Dom Gil deu a bênção com o Santíssimo Sacramento: nas proximidades da Santa Casa de Misericórdia e do Hospital de Pronto Socorro (HPS), em frente ao Cenáculo São João Evangelista e no interior da Catedral. Houve ainda uma oração especial em frente ao lar de idosos localizado no Bom Pastor. Chegando à principal igreja da cidade, todos tiveram a oportunidade de, mais uma vez, adorarem a Jesus Eucarístico.

“Este dia para nós é imensamente importante, porque nós professamos, inclusive publicamente com a procissão, a nossa fé inabalável na presença de Cristo na Eucaristia. É o supremo do amor. Jesus dá a Sua vida por nós. Além de morrer na Cruz, quer oferecer-Se como alimento para permanecer dia por dia com o Seu povo”, disse o arcebispo de Juiz de Fora.

Dom Gil ainda ressaltou a relação que os cristãos devem ter com o Corpo e o Sangue de Cristo recebidos em comunhão. “Nós vemos com a fé aquilo que os nossos olhos carnais não podem ver. Assim como nós não podemos ver o amor ou o ar, sabemos que existem e que são indispensáveis para nossa vida. Assim também é a Eucaristia. Ninguém vive sem a Eucaristia, ninguém vive sem Deus, ninguém vive sem Cristo. Para isso, é preciso uma relação de amor com Ele. E a Eucaristia é o sacramento e o sinal supremo do amor”, finalizou.

Conteúdo Relacionado
X