Mês da Bíblia: grupos on-line incentivam leitura de Deuteronômio

0

Todos os anos, em setembro, a Igreja no Brasil celebra o “Mês da Bíblia”. A dedicação ao tema se dá em razão da festa de São Jerônimo, celebrada no dia 30. Neste tempo, a Igreja nos convida a conhecer mais a fundo a Palavra de Deus, a amá-la cada vez mais e a fazer dela, a cada dia, uma leitura meditada e rezada.

Na Arquidiocese, duas iniciativas ajudam os fiéis interessados em intensificar o contato com a Palavra de Deus. Dois grupos de WhatsApp com materiais de apoio para reflexões do povo, acerca do Livro Deuteronômio, como proposto pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O primeiro foi criado por Mariana Venâncio, teóloga formada pela PUC/MG e pelo Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. O grupo, chamado “À escuta do Deuteronômio”, funcionará apenas no mês de setembro, onde ela enviará áudios diários com a leitura dos capítulos e, semanalmente, áudios com explicações do lido ao longo da semana.

A iniciativa é fruto de experiências anteriores de grupos de reflexões diárias. “Criei para ser uma alternativa a mais para que as pessoas conhecessem o livro do Deuteronômio, já que o formato está funcionando com o grupo da liturgia diária. Foi bem maior do que eu esperava, porque já enchemos dois grupos (de WhatsApp) e estamos no terceiro agora”, conta ela.

Mariana faz parte do Grupo de Reflexão Bíblico-Catequética (GREBICAT) da CNBB, cuja função é refletir e fazer propostas sobre as ações relacionadas à Bíblia e à Catequese no Brasil, favorecendo a animação bíblica da pastoral e os avanços da Catequese aliados àquilo que a Igreja do Brasil tem direcionado para a ação eclesial.

O Seminarista Rafael Nascimento também criou uma proposta semelhante. Ele lançou usou das redes sociais para lançar o “Desafio Mês da Bíblia”, instigando as pessoas a dedicarem todo mês à Leitura Orante da Palavra de Deus. Ele criou um material que explica o método da Leitura Orante, compilou um material que esclarece pontos chave sobre o livro do Deuteronômio e criou um grupo no WhatsApp para recordar aos participantes este compromisso.

Rafael já realizou desafios similares em outras ocasiões, ele relata que os retornos foram animadores. “Muitos irmãos e irmãs, depois que fizeram o desafio, sentiram-se motivados a continuar a Leitura Orante da Palavra de Deus todos os dias, fazendo do encontro com a Palavra, um alimento diário. Há um tempo venho divulgando, seja com os desafios da quaresma, porque eu entendo que esta é uma pratica da igreja que precisa ser divulgada. Cada católico deveria dedicar, pelo menos, 20 minutos para encontro com a palavra, que é muito mais que um livro, é o próprio Jesus Cristo.”

Para participar do Desafio Mês da Bíblia o link é clique aqui. Para entrar no grupo “À escuta do Deuteronômio”  clique aqui.

Ambas propostas têm início nesta terça-feira, ocorrerão ao longo de todo o mês de setembro e quaisquer interessados podem participar.

Conteúdo Relacionado
X