Infância e Adolescência Missionária é instalada na Paróquia Santo Antônio do Paraibuna

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Sessenta jovens participaram, no último sábado (30), do encontro de formação da Infância e Adolescência Missionária (IAM) na Paróquia Santo Antônio do Paraibuna, em Juiz de Fora. O objetivo do evento foi a implantação do movimento na comunidade e, para isso, contou-se com a experiência de integrantes das paróquias Santa Rita de Cássia e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

A programação incluiu Santa Missa e uma gincana, na qual os jovens foram divididos em cinco grupos, cada um representando um continente. O pároco local, Padre Leonardo Loures, contou que a animação e envolvimento foram tão grandes que algumas crianças que estavam na praça do bairro pediram para participar da atividade.

“A IAM é uma obra das POM (Pontifícias Obras Missionárias) que está presente em todos os continentes e já existe há 175 anos. Ela tem a finalidade de suscitar o espírito missionário universal nas crianças, desenvolvendo nelas o protagonismo na solidariedade e na evangelização e, por meio delas, em todo o povo de Deus”, conta o sacerdote.

Tomando como exemplo a vida de Jesus e de seus discípulos, a Infância e Adolescência Missionária tem em Maria, a mãe de Jesus, uma fiel testemunha da autêntica ação evangelizadora. O movimento inspira-se também em São Francisco Xavier e em Santa Teresinha do Menino Jesus, Padroeiros das Missões. Na Arquidiocese de Juiz de Fora, a IAM está presente em sete paróquias.

Seu lema é “Crianças ajudam e evangelizam crianças”, porque são elas as protagonistas. “Acreditamos no testemunho deles como agentes de transformação”, finaliza Padre Leonardo.

*Colaboração: Padre Leonardo Loures

Veja Também