Durante retiro, padres refletem sobre a fé de Abraão

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Parte dos padres da Arquidiocese de Juiz de Fora participa, desde a noite de segunda-feira (22), do Retiro Anual do Clero, no Ceflã. A segunda turma a participar do encontro conta com cerca de 50 sacerdotes de nossa Igreja Particular, que ficam no local até a tarde desta sexta (26).

O bispo da Diocese de Palmares (PE), Dom Henrique Soares da Costa, é o responsável por conduzir as reflexões, que têm Abraão como principal personagem. “Tanto para os judeus como para os cristãos, Abraão é nosso pai na fé. É modelo de todo aquele que crê, para todo aquele que quer caminhar com Deus. Então, olhando o caminho de Abraão, meditando, a gente vai olhando o nosso caminho: um Deus que é tão próximo, mas tão distante, tão misterioso e que nos convida que a gente se abra para Ele. Porque caminhar com Deus não é fácil, não”.

Dom Henrique destaca a importância da realização de um retiro pelos presbíteros. “Os padres são homens de Deus, homens que devem guiar o rebanho. E devem primeiro eles próprios ter uma experiência profunda de Deus. Todos nós temos a necessidade de parar diante do Senhor. A gente vive em um mundo muito agitado, fazendo muitas coisas, dizendo muitas coisas, fazendo muitas reuniões, fazendo muitos planos, mas o que Deus tem para me dizer? É a vontade de Deus como eu estou vivendo, é a vontade de Deus como eu estou fazendo? Então, para cada padre, cada pessoa, cada cristão, é importante um tempo de parar e escutar o Senhor”.

O arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, também participa do retiro espiritual. Para ele, é um momento de místico, de reflexão. “O retiro é um momento em que a pessoa escolhe cinco dias para estar em silêncio, puramente diante de Deus, para robustecer a sua fé, o seu amor a Deus, o seu amor à Igreja. Então, durante esses cinco dias, os padres se fortalecem na fé, no amor, no seu ministério, para servirem melhor à Igreja e para fazer o seu caminho de santidade, porque ninguém pode ser padre se não tiver o ideal da santidade”, concluiu.

Além das pregações de Dom Henrique Soares, os sacerdotes terão a oportunidade de escutar ponderações sobre o II Sínodo Arquidiocesano a partir de seu diretor espiritual, o Padre Geraldo Dondici Vieira. O lema “Proclamai o Evangelho pelas ruas e sobre os telhados” (Mt 10,27) conduzirá as reflexões.

“Esse é um versículo que já estava no hino que o Padre João Francisco fez para o I Sínodo, que se tornou uma marca da nossa Igreja. O evangelho deve ser anunciado, primeiramente, no profundo dos corações, na intimidade das pessoas, na intimidade do lar. Mas ele precisa ser anunciado publicamente. E esse anúncio público da Igreja é desafiador, exige recursos, preparação, competências”, afirmou Padre Dondici.

Tags:

Veja Também

Contatos

Fale com a Arquidiocese

Cúria Metropolitana de Juiz de Fora

Tel: (32) 3229-5450

E-mail

Endereço

Av. Barão do Rio Branco, 4516
Alto dos Passos, Juiz de Fora – MG
CEP: 36026-500

Atendimento

Assessoria de Comunicação

8h às 17h

Arquivo Arquidiocesano

Atend. Interno – 8h30 às 16h30
Atend. Externo – 13h30 às 16h30

Folha Missionária

8h às 13h

Jurídico

8h ‪às 12h‬ e de 13h ‪às 17h

Tesouraria

8h às 11h30 e de 13h às 16h

Tribunal Eclesiástico

13h às 17h

Cadastre-se aqui para receber novidades e atualizações da Arquidiocese

© Copyright Arquidiocese de Juiz de Fora. Feito com por