Congregação do Santíssimo Sacramento inaugura frente de missão na Arquidiocese de Juiz de Fora

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

No último sábado (22), a Arquidiocese de Juiz de Fora acolheu mais uma comunidade religiosa em seu território: a Congregação do Santíssimo Sacramento. Os padres ficarão instalados no Cenáculo São João Evangelista, onde trabalharão em conjunto com as Servas do Santíssimo Sacramento. As irmãs estão presentes em nossa Igreja Particular há 72 anos.

O Cenáculo sediou a Missa que marcou a abertura da missão sacramentina. A Celebração foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada pelo Superior da Província Nossa Senhora de Guadalupe, Padre Marcelo Carlos Silva, SSS; pelo Padre José Elissandro Santos de Santana, SSS, que será o Capelão; pelo Padre Jesus Mateus Silva, SSS, que auxiliará nos trabalhos pastorais; pelo Padre José de Anchieta Moura Lima, Administrador da Catedral Metropolitana (paróquia à qual pertence o Cenáculo); pelo Padre Vanderlei Santos de Sousa, CSsR, Secretário do II Sínodo Arquidiocesano; pelo Padre Jorge Luís Duarte, que representou o Seminário Santo Antônio; e por dois sacerdotes sacramentinos. O Diácono Celso Aparecido Rodrigues de Melo serviu ao Altar.

Além de encarregar-se do templo localizado na região central de Juiz de Fora, assumindo a responsabilidade de promover atividades pastorais e espirituais junto aos fiéis que ali frequentam, a frente de missão contempla a abertura da casa de formação do Pré-Noviciado Nossa Senhora do Santíssimo Sacramento, voltada aos jovens aspirantes e postulantes que começam a caminhada na congregação. Eles estudarão no Seminário Arquidiocesano, onde cursarão Filosofia.

“É um momento muito importante para a história da Arquidiocese de Juiz de Fora a chegada dos Padres Sacramentinos. Isso representa uma força nova, seja na pastoral arquidiocesana, seja na devoção Eucarística do nosso povo. Agradeço a Deus e à Congregação dos Sacramentinos por ter escolhido a nossa Arquidiocese para fazer a formação dos seus futuros padres”, ressaltou Dom Gil.

O Superior Provincial, Padre Marcelo, apontou que a nova missão representa esperança e alegria. “Nós queremos chegar para realçar essa pérola que é a vida da Eucaristia, mistério celebrado e mistério contemplado. Para nós, é uma alegria muito grande nos unirmos às Servas do Santíssimo Sacramento, nosso ramo feminino, para juntos potencializarmos ainda mais o que neste Cenáculo já é vivido.”

“É uma satisfação muito grande estar assumindo junto com os religiosos sacramentinos esse novo momento, junto também com as Servas do Santíssimo Sacramento. Depois de 70 anos das irmãs aqui na Arquidiocese de Juiz de Fora, nós chegamos para somar nessa missão eymardiana. Nosso trabalho é este: fazer com que as pessoas Cenáculo possam perceber cada vez mais o amor de Deus por elas, estando conosco, partilhando da nossa espiritualidade, da fraternidade, da oração e do serviço aos mais necessitados”, completou Padre Elissandro. Durante a celebração do sábado, o presbítero e o Padre Jésus Mateus foram empossados pelo Arcebispo de Juiz de Fora como os novos responsáveis pela Capelania São João Evangelista. O rito aconteceu após a homilia de Dom Gil, com a renovação das promessas sacerdotais, a profissão de fé e o juramente de fidelidade pelos religiosos.

Com a organização do espaço da comunidade caminhando para o final, os padres sacramentinos organizarão novos horários de celebrações, além de atendimentos de confissões, para atender à comunidade do entorno do Cenáculo. Os pré-noviços serão acolhidos até o dia 31 de janeiro e, para marcar o início dos trabalhos, será realizado um tríduo com Missas diárias e reflexões sobre os escritos do fundador da Congregação do Santíssimo Sacramento, São Pedro Julião Eymard. A programação será divulgada em breve.

Clique aqui e confira outras fotos.

Veja Também