Biblioteca Redentorista reabre as portas

Biblioteca Redentorista 2
*Foto retirada do site Redentoristas - Província do Rio.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

*Informações retiradas do site dos Redentoristas – Província do Rio

Após o período de férias, a Biblioteca Redentorista (BRED) retomou na última quarta-feira (1º) as atividades. Revitalizada, a biblioteca acolhe os usuários para pesquisas e estudos no local. De acordo com a coordenadora Jenaina Winand, foi feita uma preparação do ambiente para reabrir as portas, com uma limpeza geral, revigoramento do jardim, novas estantes e um espaço dedicado ao público infanto-juvenil.

“Nós criamos um espaço à parte, onde as revistas e os livros adquiridos recentemente, principalmente os lançamentos, ficarão expostos na entrada. O espaço está muito confortável e nós nos preparamos para acolher com muito carinho todos os visitantes. Teremos muito trabalho e as expectativas para esse ano são as melhores”, disse Jenaina.

Outra novidade é o horário de atendimento ao público, que foi estendido, com abertura da biblioteca também aos sábados. Agora, a Biblioteca Redentorista fica aberta ao público de segunda à sexta, de 9h às 17h, e aos sábados de 9h às 14h. A entrada é gratuita.

Na programação cultural, a primeira atividade de 2017 será no próximo sábado, 4 de fevereiro, às 14h30, com o “Leia Mulheres”, movimento de incentivo à leitura de escritoras mulheres que acontece desde o ano passado na BRED. Os demais eventos serão divulgados pelo facebook e através dos e-mails cadastrados na biblioteca. Será disponibilizada também no facebook uma programação para quem quiser agendar eventos na Biblioteca Redentorista.

Na reabertura da biblioteca, o espaço recebeu a visita dos seminaristas da Comunidade Vocacional Santo Afonso e de seu formador, Padre Fagner Dalbem, C.Ss.R. Os jovens conheceram o local, sua estrutura e funcionamento. A curiosidade maior do grupo foi na visitação ao setor de obras raras e do Arquivo Provincial, que foram apresentados pelo responsável pelo Arquivo, Rafael Bertante. Eles conheceram o livro mais antigo da BRED, datado de 1542 (“D. Epiphanii Epi”), a obra com o maior número de páginas (cerca de 1.300 páginas – “Acta Ecclesiae Mediolanensis”, A. Carolo, de 1599) e também os dois menores livros do acervo (“La divina commedia”, Dante Alighieri e “De Imitatione Christi”, Thoma Kempis).

A Biblioteca Redentorista fica localizada na Avenida dos Andradas, 855 – Morro da Glória.

Outras informações:
Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora: (32) 3229-5450

Veja Também