Arquidiocese ordena novo Diácono

0

O último dia 3 de novembro, sábado, foi marcado por uma grande festa na Arquidiocese de Juiz de Fora. Nossa Igreja Particular ordenou o então seminarista Emerson de Assis Braz ao diaconato, primeiro grau do sacramento da Ordem. A solenidade ocorreu na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, no Bairro Francisco Bernardino. O momento foi presidido pelo arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, com expressiva participação do clero diocesano e seminaristas. Também estavam presentes amigos, familiares e membros de outras comunidades.

Em entrevista antes da celebração, Emerson relatou sua expectativa. “É uma alegria tão grande, que, se eu vivesse sozinho no mundo, não caberia em mim tamanho sentimento. Portanto, compartilho essa emoção com todos que estão aqui hoje, na paróquia onde fui batizado e também recebi o sacramento da Crisma. Os olhos marejam ao dizer que essas pessoas fazem parte desse momento tão importante. O lema de ordenação que escolhi diz o seguinte: ‘Se amarmos uns aos outros, Deus habita em nós’ (Jo 4, 12). Esta passagem faz muito sentido, pois é no amor que as pessoas se conhecem, e é no amor que conhecemos a Deus e nos encontramos com Ele”.

Dom Gil falou sobre a importância de ordenar novos integrantes para o clero. “A ordenação de um diácono enche o nosso coração de satisfação e alegria, porque é mais um discípulo do Senhor que se dispõe para a vida inteira, consagrando-se a Deus na construção do seu reino. Neste ano, em que estamos preparando nosso segundo Sínodo Arquidiocesano, o diácono que hoje está sendo ordenado traz para nós uma nova força nessa caminhada pastoral e evangelizadora da Arquidiocese. Quero manifestar os parabéns ao Emerson e agradecer a Deus pela sua vocação”.

O Padre Gil Condé, que acompanhou de perto os passos do então seminarista na paróquia, ressaltou o mérito de sua ordenação. “Ele é da Comunidade Santa Clara, no Bairro Milho Branco, comunidade esta que faz parte da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes. Foi lá que ele vivenciou suas primeiras experiências de fé. Ele tem um carinho muito grande por esta paróquia e, por isso, organizamos tudo com muito amor, para que esta ordenação aconteça da melhor maneira possível, com a bênção de Deus. Ele merece toda essa preparação, pois desde criança sempre ajudou no serviço da Igreja e, agora, é chamado a servir com mais intensidade”.

O reitor do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio, Padre Roberto José da Silva, destacou o processo de formação que os seminaristas levam anos para concluir. “Podemos dizer que esse momento é o coroamento de um processo de formação. O Seminário tem o objetivo de formar pessoas de modo geral, mas, especialmente para os seminaristas, é um tempo de consagração”.

Após o rito de ordenação, o novo diácono recebeu os paramentos e foi apresentado oficialmente aos fiéis, que o cumprimentaram com uma calorosa salva de palmas. Em seguida, Padre Gil Condé leu uma bonita homenagem e o presenteou com uma apresentação em versão cantada da oração de São Francisco de Assis, interpretada por músicos convidados.

Ao final da celebração, o Diácono Emerson recebeu os cumprimentos e todos participaram de um almoço de confraternização.

Confira a cobertura da ordenação feita pela WebTV “A Voz Católica”:

*Colaboração: Leandro Novaes

Conteúdo Relacionado
X