social facebook social twitter social youtube

Campanha de Cidadania do Santuário chama a atenção para atitudes baseadas no Evangelho

*Fonte: a12.com

O Santuário de Aparecida lançou nesse primeiro dia letivo do ano de 2018 a Campanha de Cidadania Eu Sou O Brasil Ético. Uma coletiva de imprensa com a participação do Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes e o reitor do Santuário, padre João Batista de Almeida reuniu representantes de diversos veículos de comunicação para explicar o projeto que será realizado durante todo esse ano.

O projeto Eu Sou O Brasil Ético nasce da preocupação do Santuário Nacional em estimular os brasileiros a pensarem mais criticamente sobre suas escolhas, especialmente nesse ano marcado pelas eleições de presidente da república, governadores dos Estados, senadores e deputados federais e estaduais.

Dom Orlando também lembrou que os Documentos da Doutrina Social da Igreja falam da política como Amor Social, “por isso é uma ação de fé, pois a política é uma boa obra social”, destacou.

A Campanha de Cidadania do Santuário deseja levar o cristão a perceber a necessidade de uma maior participação na vida social, da missão que cada um tem de viver uma política fundamentada no evangelho e no poder do voto consciente.

“Esse ano eleitoral tem um significado muito grande, primeiro para a gente não perder a confiança nos políticos, porque temos políticos bons, por tanto desânimo e pessimismo não são o caminho, mas reconstruir, criar outros critérios, outra mentalidade política isso nos cabe”.

O reitor do Santuário pontuou três atitudes concretas que irão nortear a ação do Santuário, dentro do projeto Eu Sou O Brasil Ético, como o Dia Nacional Mariano, a convocação para uma conversão dos cristãos e a orientação dos devotos para um voto consciente.

“O Santuário tem uma vocação primeira de acolher o povo e ajudar o povo a rezar, então a nossa primeira ação é rezar pelo Brasil todos os dias, mas em um dia especial o dia 12 de cada mês, nós iremos ter ações concretas de oração pelo Brasil, no Dia Nacional Mariano. Em cada mês, nós rezaremos alguma situação do Brasil, então teremos de destaque tudo aquilo que forma o nosso país.

A segunda ação é convocar o devoto para novas atitudes, uma nova postura de vida. O Santuário tem por vocação e missão o sacramento do perdão, da misericórdia e da conversão e nessa segunda ação nós queremos provocar nas pessoas um processo de conversão, de mudança de atitudes rotineiras que levam o cristão a cometer atos de corrupção também, e que muitas vezes não é perceptível.

A terceira ação está ligada ao ano eleitoral, nos gostaríamos de nesse ano, ajudar o devoto de Nossa Senhora a usar as ferramentas que ele tem a sua disposição, como verificar os candidatos ficha limpa, olhar o passado dos candidatos e analisar a sua conduta política", explicou o padre João Batista.

Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
Prev Next