social facebook social twitter social youtube

Encontro debate evangelização dos surdos na Arquidiocese de Juiz de Fora

DSCN1600Na tarde dessa terça-feira (12), os seminaristas que cursam Teologia no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio assistiram à exposição dos responsáveis pela Pastoral do Surdo na Igreja Particular de Juiz de Fora. O arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, também participou do encontro, assim como o reitor do Seminário, Padre Roberto José da Silva, e o formador da Comunidade de Filosofia, Padre Gleydson Pimenta de Faria.

Ao explicar as razões do encontro, Dom Gil ressaltou o desafio pastoral existente na Arquidiocese de Juiz de Fora com relação à acolhida dos surdos na Catequese e nas celebrações. “Devemos ter muita responsabilidade com esta pastoral. O número de surdos não é pequeno em nossa cidade e nós temos o dever de evangelização dessas pessoas, que são nossas irmãs. A Pastoral dos Surdos na Arquidiocese de Juiz de Fora deve merecer da nossa parte uma atenção ainda mais especial porque ela nasceu aqui, com o Padre Vicente Burnier”.

A coordenadora da Pastoral do Surdo Arquidiocesana, Flora Teixeira, falou aos seminaristas e padres sobre a estrutura mental dos deficientes auditivos e como eles recebem as informações. O administrador da Pastoral, Padre Carlos José Arlindo, e o vice-presidente da Associação dos Surdos de Juiz de Fora, José Nicomedes, falaram sobre os principais desafios dos surdos dentro da Igreja Católica.

Carol Alves, filha de Flora e surda de nascença, deu o seu testemunho aos presentes, sendo traduzida pela mãe. “O surdo quer conhecer a Deus. É preciso que vocês aprendam a Libras para acolher os surdos. Abram a Igreja para nós, nós queremos entrar e participar”.

A Pastoral do Surdo existe há 16 anos em Juiz de Fora, sendo criada por Monsenhor Vicente de Paulo Penido Burnier, primeiro padre surdo da América Latina. A pastoral oferece o Curso de Libras e, além disso, se reúne em missa mensal, no primeiro sábado do mês, às 17h30, no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio. Aos domingos, a celebração é na Catedral Metropolitana, às 16h.


Outras informações:
Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora: (32) 3229-5450

Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
Prev Next