social facebook social twitter social youtube

Reabertura de Capela-Mor e retorno de imagem da padroeira emocionam comunidade de Sarandira

Nossa Senhora do Livramento*Reprodução de imagem feita pela WebTV A Voz Católica.Na tarde do último sábado, 2 de setembro, o arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, esteve em Sarandira, distrito de Juiz de Fora, para a reinauguração da Capela-Mor da Igreja Matriz Nossa Senhora do Livramento. O templo, que passa por restauro há cerca de cinco anos, teve parte de seu espaço liberado para o retorno de missas ao local.

No sábado, a comunidade de Sarandira ainda pôde acolher a imagem da padroeira da paróquia, que foi entronizada na igreja após chegar da carreata vinda da Matriz de Pequeri (MG), onde estava guardada. “Este momento representa para nós uma grande bênção de Nossa Senhora, para que este povo possa, aqui, não só restaurar a igreja física, mas restaurar cada vez mais a Igreja povo de Deus”, ressaltou Dom Gil em entrevista à WebTV A Voz Católica.

Para o Padre Juarez de Souza Menezes, administrador da Paróquia Nossa Senhora do Livramento, a reabertura da Igreja Matriz, mesmo que parcialmente, e o retorno da imagem da padroeira significam muito para a comunidade local. “A imagem de Nossa Senhora do Livramento é algo importantíssimo para a fé deste povo. É ela quem ilumina, quem guia estas pessoas a terem uma experiência profunda de Nosso Senhor Jesus Cristo. Estar inaugurando essa Capela-Mor, trazendo de volta a imagem da padroeira, tem um simbolismo muito grande”.

A Matriz Nossa Senhora do Livramento data de 1844 e foi tombada através de Decreto Municipal em 2004. Oito anos depois, no entanto, ela foi fechada por conta de problemas estruturais, o que obrigou a comunidade de Sarandira a reunir-se em um Centro Comunitário e em casas de moradores do distrito.


Outras informações:
Assessoria de Comunicação Arquidiocese de Juiz de Fora: (32) 3229-5450

Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
Prev Next